2 eventos ao vivo

Itália encerra votação de referendo que definirá futuro de Renzi

4 dez 2016
20h13
  • separator
  • comentários

A Itália encerrou às 23h locais deste domingo (20h em Brasília) a votação do referendo sobre a reforma constitucional defendida pelo primeiro-ministro, Matteo Renzi.

Quatro horas antes do fechamento das urnas, o Ministério do Interior informou que a participação na votação era de 57,24%. Cerca de 51 milhões de eleitores italianos foram convocados a votar sobre a reforma constitucional que prevê, entre outras coisas, o fim da função legislativa do Senado.

O referendo é decisivo porque o primeiro-ministro disse que deixará o cargo caso seja derrotado. A saída de Renzi poderia ter consequências importantes para a estabilidade da União Europeia.

Nas últimas pesquisas de intenções de voto, a rejeição à reforma constitucional vencia por dez pontos percentuais - 55% a 45% -, mas elas também mostravam que havia muitos indecisos.

Espera-se que as primeiras pesquisas de boca de urna com as primeiras projeções de voto sejam divulgadas nas próximas horas. Os resultados oficiais devem sair ao longo da madrugada.

EFE   
  • separator
  • comentários
publicidade