Confira a nota de corte dos principais cursos do ProUni 2017

Descubra como funcionam as notas de corte do ProUni e quantos pontos você precisa ter no Enem para conquistar uma bolsa!

14 fev 2017
11h27
atualizado em 16/2/2017 às 11h09
  • separator
  • comentários

O Programa Universidade para Todos (ProUni) usa a nota do Enem para classificar candidatos de baixa renda a bolsas de estudos em faculdades privadas.

ProUni
ProUni
Foto: Mundo vestibular

O ProUni é uma das iniciativas do Governo Federal para ampliar o acesso ao ensino superior. Desde sua primeira edição, em 2005, já beneficiou quase 2 milhões de estudantes, sendo que 70% receberam bolsas integrais.

Em 2017, o ProUni continua e vai ter duas edições: no começo e no meio do ano. A primeira delas abre inscrições no dia 31 de janeiro .

Para participar do ProUni 2017, além de cumprir os critérios de renda familiar e formação escolar, é obrigatório ter feito o Enem de 2016, com desempenho de pelo menos 450 pontos na média das provas, sem ter zerado na redação.

Conquistar uma vaga, no entanto, pode exigir uma pontuação bem superior.

Descubra como funcionam as notas de corte do ProUni e quantos pontos você precisa ter no Enem para conquistar uma bolsa!

O que é nota de corte?

A nota de corte corresponde à menor pontuação possível para conseguir uma vaga.

Imagine o seguinte: uma faculdade oferece 10 vagas em Pedagogia noturno para cotistas. O sistema do ProUni vai preenchendo as vagas por ordem decrescente de pontuação no Enem. O primeiro colocado apresentou 780 pontos, o segundo 770, e por aí vai. O último colocado tinha 610 pontos no Enem. Essa é a nota de corte para esse exemplo.

A nota de corte depende do desempenho dos candidatos que concorrem à mesma vaga (curso, turno, faculdade, campus e modalidade de concorrência) naquela edição do ProUni.

Existem dois tipos de nota de corte no ProUni:

Nota de corte parcial:
é calculada diariamente, enquanto durarem as inscrições. Tem caráter apenas informativo e pode ser diferente a cada dia.
Nota de corte final: é calculada após o encerramento das inscrições e determina a lista de aprovados.

Quais são as notas de corte do ProUni 2017?

Agora que você entendeu como funcionam as notas de corte do ProUni, fica mais claro por que não dá para saber a pontuação com antecedência. Tudo vai depender do desempenho de seus concorrentes.

Para ter uma ideia, veja as dez maiores notas de corte do ano passado:

Maiores notas de corte do ProUni 2016

-Medicina (Fortaleza - CE) - Ampla concorrência: 791.66 pontos

-Direito (Araras - SP) - Ampla concorrência: 791,04 pontos

-Medicina (Goiânia - GO) - Ampla concorrência: 789,72 pontos

-Medicina (Aracaju - SE) - Ampla concorrência: 785,84 pontos

-Medicina (Ubá - MG) - Cotas: 785,02 pontos

-Medicina (Juazeiro do Norte - CE) - Cotas: 782,28 pontos

-Medicina (Betim - MG) - Ampla concorrência: 781,94 pontos

-Medicina (Rio Branco - AC) - Ampla concorrência: 779,68 pontos

-Medicina (Anápolis - GO) - Ampla concorrência: 779,28 pontos

-Medicina (Cajazeiras - PB) - Ampla concorrência: 778,40 pontos


Medicina, Direito e algumas engenharias costumam estar sempre no topo da lista. No entanto, como as notas de corte são diferentes para cada faculdade, turno e campus, dá para encontrar pontuações diferentes para entrar no mesmo curso. As menores notas de corte de Direito, por exemplo, ficam em torno de 500 pontos.

As notas de corte do ProUni são mais baixas para cotas?

Não necessariamente. Como você pode ver na lista acima, a disputa por uma vaga pode ser mais acirrada entre os cotistas do que na ampla concorrência.

Quem pode participar do ProUni 2017?

Os requisitos principais do ProUni 2017 são:

-Enem:
ter participado do Enem 2016, com desempenho de pelo menos 450 pontos na média das provas e nota acima de zero na redação.

-Formação:
não ter diploma de nível superior e ter feito todo o ensino médio em escola pública (ou em escola particular como bolsista integral).

-Condição financeira:
a renda familiar bruta mensal deve ser de até três salários mínimos por pessoa.

Quando fazer a inscrição para o ProUni 2017

Em 2017, haverá duas edições do ProUni. As inscrições para entrar no primeiro semestre letivo vão de 31 de janeiro a 3 de fevereiro .

Para conseguir bolsa no segundo semestre, as inscrições devem abrir em junho ou julho. Assim que o MEC definir as datas, contaremos tudo para você aqui!

Quanto custa fazer a inscrição para o ProUni 2017

Não custa nada participar do ProUni. As inscrições são gratuitas.

Chamadas do ProUni 2017

Após o processo seletivo regular, o ProUni abre seleção para preencher as vagas remanescentes.

Faculdades que participam do ProUni 2017

Veja algumas instituições reconhecidas pelo MEC que oferecem vagas no ProUni:

-Centro Educacional Anhanguera (ANHANGUERA)
-Universidade Cruzeiro do Sul (UNICSUL)
-Universidade de Franca (UNIFRAN)
-Universidade Cidade de São Paulo (UNICID)

-União Metropolitana de Educação e Cultura (UNIME)
-Faculdade Pitágoras

-Universidade Estácio de Sá

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade