5 Melhores Cursos para quem gosta de trabalhar sozinho

Confira os melhores cursos para quem gosta de trabalhar sozinho!

14 fev 2017
11h27
atualizado em 16/2/2017 às 11h09
  • separator
  • comentários

Cada profissão exige uma série de habilidades e conhecimentos específicos, tais como saber lidar com prazos e pressão, alcançar metas, gerir pessoas e projetos, ser proativo e lidar bem com equipe. Porém, nem todas as atividades são realizadas de maneira coletiva; existem muitas áreas em que o profissional trabalha sozinho .

A timidez e o perfeccionismo são fatores que influenciam essa escolha, isto é, as personalidades mais tímidas ou que necessitam de silêncio para se concentrar, podem preferir atividades profissionais em que trabalhem sozinhas; são pessoas que não gostam de carregar a equipe nas costas, que gostam de fazer as coisas do seu próprio jeito e que são perfeccionistas.

Alguns indivíduos são mais produtivos quando trabalham sozinhos, já que trabalhar em grupo pode distrair e causar atraso na entrega de tarefas ou projetos. Existem várias carreiras que são ideais para quem gosta de trabalhar sozinho .

Alguns indivíduos são mais produtivos quando trabalham sozinhos, já que trabalhar em grupo pode distrair e causar atraso na entrega de tarefas ou projetos.
Alguns indivíduos são mais produtivos quando trabalham sozinhos, já que trabalhar em grupo pode distrair e causar atraso na entrega de tarefas ou projetos.
Foto: Mundo vestibular

Conheça os cinco melhores cursos para quem gosta de trabalhar sozinho!

1. Ciências Contábeis

O contador planeja e controla as compras, vendas, investimentos e aplicações de uma empresa. Sua atividade é cuidar das contas da instituição, interpretando eventos econômicos e auxiliando na tomada de decisões. É um trabalho introspectivo de registro de fatos administrativos e de pagamento de tributos.

É possível atuar em escritórios de contabilidade ou no setor público, por meio de concurso. Profissionais com visão gerencial, que conseguem acompanhar a definição de estratégias de negócios de uma empresa, têm sido os mais procurados atualmente pelo mercado de trabalho.

O profissional de Ciências Contábeis pode trabalhar como auditor, fiscalizando e conferindo os registros de uma empresa; com contabilidade ambiental, avaliando o desempenho ambiental da empresa; com controle e perícia, coordenando operações fiscais das instituições.

A grade curricular do curso de Ciências Contábeis se compõe de matérias básicas da contabilidade e da administração: auditoria, avaliação de empresas, ciências sociais, comunicação e expressão, controladoria e orçamento, direitos, estatística, governança corporativa, economia e negócios, geopolítica, matemática, mercado financeiro, perícia e arbitragem e tecnologias da informação.

2. Engenharia da Computação

O engenheiro da computação projeta e constrói computadores e sistemas para serem utilizados em diversos setores. Ele desenvolve, por exemplo, produtos para serviços de telecomunicações, como os que fazem a interligação entre redes de telefonia.

Com o mercado em alta, este profissional pode trabalhar em empresas nacionais e internacionais, nos setores aeronáutico, automobilístico, financeiro e de telecomunicações, com destaque para a telefonia celular.

A grade curricular dos cursos de Engenharia da Computação é composta por matérias básicas das engenharias e linguagens de programação e circuitos lógicos. Depois de cerca de cinco anos, incluindo o estágio, o engenheiro está habilitado a criar softwares, projetar sistemas digitais e computadorizados para fábricas, criar programas de computadores, projetar e construir computadores e periféricos.

3. Biomedicina

O biomédico pesquisa as causas e as formas de tratar as doenças humanas. Ele identifica, classifica e estuda os microrganismos causadores de enfermidades e procura medicamentos e vacinas para combatê-las. Esse profissional trabalha em hospitais, laboratórios e órgãos públicos de saúde, fazendo pesquisas e testes. Atua em parceria com bioquímicos, biólogos, médicos e farmacêuticos.

A grade curricular dos cursos de Biomedicina é composta por matérias de fisiologia, bioquímica, informática e administração laboratorial, ideal para quem deseja abrir seu próprio negócio na área.

Com duração média de quatro anos o biomédico pode trabalhar com análises físico-químicas e microbiológicas do meio ambiente; estudo das propriedades químicas dos alimentos; análises clínicas, investigação da física dos seres vivos; diagnóstico por imagem, como ressonância magnética e tomografia computadorizada; genética e toxicologia.

4. Arqueologia

O arqueólogo estuda as sociedades humanas por meio de objetos que foram produzidos e utilizados no passado. Seu trabalho é procurar e analisar os materiais, por meio de escavações, através de conhecimentos históricos e da composição do solo.

Trabalhando em centros de pesquisa, principalmente em universidades, este profissional também emite laudos técnicos liberando obras da construção civil e assegurando que a construção não gerará danos ao meio ambiente, nem comprometerá o patrimônio histórico e arqueológico.

Oito instituições de ensino ofertam o curso de arqueologia no Brasil. A grade curricular é composta por disciplinas como Pré-História, História da Sociedade Brasileira, Sociologia, Filosofia e Estatística.

Para quem gosta de trabalhar sozinho, a arqueologia possibilita o trabalho de exploração, composto por escavações em campo e recolhimento de materiais para pesquisas; e com pesquisa, em centros e laboratórios, analisando os materiais e objetos coletados em campo e elaborando relatórios.

5. Letras

O profissional de Letras pesquisa e ensina o português, idiomas estrangeiros e a literatura. É necessário estudar sempre para manter o domínio dos idiomas, e existe um amplo campo de trabalho, como em escolas, editoras, tradutoras; e como autônomos, trabalhando com revisão e como escritor.

O curso é composto por matérias de análise literária, produção de textos, tradução e pesquisa em semântica, fonologia e literaturas. Diversas instituições de ensino superior oferecem o curso na modalidade presencial e a distância, com duração média de quatros anos.

Para quem gosta de trabalhar sozinho o curso de letras possibilita atuar na área de editoração , preparando textos; na área de revisão ortográfica e gramatical; com pesquisas e estudos literários na carreira acadêmica de nível superior e com tradução .

Confira algumas faculdades reconhecidas pelo MEC que oferecem estes cursos:

-Centro Educacional Anhanguera (ANHANGUERA)
-Universidade Cruzeiro do Sul (UNICSUL)
-Universidade de Franca (UNIFRAN)
-Universidade Cidade de São Paulo (UNICID)

-União Metropolitana de Educação e Cultura (UNIME)
-Faculdade Pitágoras

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade