0

Palestra gratuita sobre genética traz as novas perspectivas para o universo autista

22 mar 2017
17h31
  • separator
  • comentários

Trazendo como tema "A importância da influência da família no tratamento do TEA", o TEAbraço 2017 apresenta uma série de palestras gratuitas para levar informação, técnicas e tratamentos com especialistas da área para familiares e profissionais interessados em aprender mais sobre o mundo do autismo. Dentro desta programação, no Boulevard do Shopping Iguatemi Ribeirão Preto no dia 1 de abril, a partir das 19h, acontece a palestra com os profissionais da TISMOO, que traz as mais recentes descobertas sobre sequenciamento genético e o autismo.

Foto: DINO

A startup TISMOO é o primeiro laboratório no mundo exclusivamente dedicado a análises genéticas voltadas para o TEA e síndromes relacionadas visando uma medicina personalizada. Segundo a diretora da TISMOO, a bióloga Dra. Graciela Pignatari, o objetivo da palestra é apresentar as últimas atualizações sobre o tema da genética e o autismo e contar um pouco sobre a atuação da TISMOO. "Trabalhamos com duas vertentes. O sequenciamento genético como uma ferramenta importante para melhor entendimento do TEA e buscamos a evolução das tecnologias para encontrar novas perspectivas terapêuticas visando a medicina personalizada uma vez que os indivíduos com TEA são únicos", comenta.

No encontro também estarão presentes o Dr. Carlos Gadia, neuropediatra e diretor associado do Nicklaus Children's Hospital Miami - uma das mais expressivas referências em autismo no mundo, Dr. Diogo Lovato, biomédico pela Escola Paulista de Medicina e doutor em Biologia Molecular pela UNIFESP, que trabalha com genética do TEA e é um dos colaboradores da TISMOO e via internet, um dos fundadores da empresa, o biólogo molecular Dr. Alysson Muotri. Com doutorado em Genética pela USP e professor da Universidade da Califórnia/San Diego, Muotri é um dos mais respeitados cientistas da área e um dos pesquisadores à frente da técnica dos 'minicérebros' - que são cultivados em laboratório com a finalidade de estudar o comportamento das células cerebrais - junto com a Profª Dra. Patrícia Beltrão Braga (USP) e com a Dra. Graciela Pignatari, são idealizadores do projeto "Fada do Dente" uma ONG brasileira que usa os dentes de leite de crianças com autismo para estudar os mecanismos biológicos envolvidos no TEA. Em sua apresentação via videoconferência no TEAbraço, ele irá abordar temas como as novidades em modelagem celular e os avanços nas pesquisas que envolvem o autismo.

Outras palestras

Entre as atividades gratuitas oferecidas pela edição de 2017 está o Ciclo de Palestras na Livraria Cultura do Shopping Iguatemi com especialistas em saúde, educação e outros setores. As palestras acontecem entres os dias 27 e 30 de março no período da tarde e à noite. Entre os profissionais, Berenice Piana com o tema "Autismo conquistando direitos"; a palestra "Mães que fazem" com Tatiana Takeda, Mariana Alckmin (projeto Teapoio), Andrea Werner (autora do livro Lagarta Vira Pupa) e Adriana Godoy (projeto Integrar); Fernanda Lima, com a iniciativa global de inserção laboral de pessoas com TEA no setor de TI; Celso Goyos abordando ensino da fala oral para crianças com transtorno, entre outros assuntos.

A III Semana Internacional do TEA é uma iniciativa da Jujuba - empresa especializada em soluções tecnológicas para crianças com autismo - em parceria com o médico Carlos Gadia, diretor do Nicklaus Children's Hospital Miami - uma das mais expressivas referências em autismo no mundo.

A programação completa pode ser encontrada no site www.teabraco.com.br.

DINO Este é um conteúdo comercial divulgado pela empresa Dino e não é de responsabilidade do Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade