Estudo mostra benefícios do happy hour

10 de agosto de 2003 • 23h46 • atualizado às 23h46

As pessoas que saem depois do trabalho para beber com os amigos têm mais chances de serem promovidas no emprego do que as que não gostam de happy hour, revela estudo realizado na Universidade de Sterling, na Escócia.

Os trabalhadores que bebem álcool com moderação ganham em média 17% mais que seus colegas que não bebem, mostra a pesquisa, feita por uma equipe de economistas da faculdade.

Tomar chope no bar depois do expediente ajuda a criar um clima de confiança entre os colegas. Além disso, as pessoas estreitam suas relações e tornam o dia-a-dia mais descontraído no trabalho, aspectos positivos para o futuro da carreira, explicam os pesquisadores.

Por outro lado, os grandes bebedores (aqueles que tomam mais de 12 litros de álcool por semana, para os homens, e nove litros, para as mulheres) ganham em média 6% a menos que seus colegas moderados. Mas ainda assim continuam recebendo 5% mais que os caretas.

O estudo foi lançado pelo governo escocês, com 17 mil entrevistados nascidos na Grã-Bretanha, durante uma determinada semana de 1958. O progresso dessas pessoas na carreira foi avaliado a partir de entrevistas regulares. Mas só agora os pesquisadores da Universidade de Sterling concluíram a análise dos últimos resultados, levantados em 2000.

"O estudo mostra que não é melhor evitar o álcool", resumiu o professor David Bell, do departamento econômico da universidade.

"As pessoas que bebem moderadamente parecem de fato receber melhores salários. Os salários começam a cair quando as pessoas ultrapassam o limite recomendado pelo governo. Mas é precido beber realmente muito para que o álcool seja um problema na vida da pessoa", concluiu.

AFP - Todos os direitos de reprodução e representação reservados. Clique aqui para limitações e restrições ao uso.
 
Enviar para amigos
Fechar por:
Enviar para amigos
Fechar por:

Imprimir

Fechar
Mais vistos

Notícias

  1. Carregando...
leia mais notícias »