PUBLICIDADE

RJ: presidente de associação é afastado por maltratar deficientes

8 dez 2011
Publicidade

O presidente da Associação Pestalozzi, que cuida de deficientes, em Nova Friburgo, centro fluminense, foi denunciado pelo Ministério Público por submeter os usuários da instituição a maus-tratos. Ao receber a denúncia, a Justiça determinou o imediato afastamento de Adilson de Alencar Araújo das funções. Além disso, ele está proibido de frequentar o local.

De acordo com a denúncia do MP, sob o pretexto de disciplinar os acolhidos, Adilson os castigava com socos, tapas no rosto e empurrões, além de xingamentos. Em certa ocasião, ele colocou uma das crianças de cabeça para baixo em um vaso sanitário. Em outra, pediu para que as vítimas desembarcassem da van e "jogou" o veículo contra elas, segundo a promotoria.

"Todas as vítimas, alunos com necessidades especiais da Associação Pestalozzi em Nova Friburgo, eram menores de catorze anos ao tempo do crime e foram castigadas física e/ou verbalmente pelo denunciado, presidente da referida instituição, com evidente abuso dos meios empregados", ressalta a denúncia.

Fonte: Terra
Publicidade