7 eventos ao vivo
Logo do Blog Cenas da Cidade
Foto: Divulgação

Blog Cenas da Cidade

Metade do esgoto das nossas cidades vai para rios e mares

14 mar 2017
11h42
atualizado às 15h03
  • separator
  • comentários

O saneamento básico traz bem estar para a população, dignidade e evita doenças relativas ao consumo de água suja. Estatísticas apontam que 35 milhões de brasileiros não têm acesso à água limpa e que 50% do esgoto gerado em nossas cidades segue para rios e mares sem o devido tratamento. A falta de tratamento de esgoto causa doenças e gera, inclusive, problemas para o sistema de saúde. Dados do BNDES indicam que 65% das internações de crianças até 10 anos no último ano estão diretamente relacionadas ao acesso e consumo de água suja. E o pior: a solução seria investimento e ele nem é tão alto assim. R$ 1 investido em saneamento representa uma economia de R$ 4 para a área da saúde. Há municípios pelo país, como Santarém, no Pará, onde não há sistema de tratamento de esgoto. De 27 capitais, em 13 menos da metade da população tem acesso ao tratamento adequado de esgoto. Colunista do Cenas da Cidade , a advogada especialista em direito ambiental, Juliana de Avellar, explica certinho a importância do saneamento e como esses dados impactam nosso dia a dia.
O saneamento é fundamental, é uma responsabilidade do poder público, mas infelizmente não aparece como grandes obras e os políticos, principalmente em períodos eleitorais, não têm interesse em levantar essa importante bandeira.

Blog Cenas da Cidade Blog Cenas da Cidade

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade