1 evento ao vivo

Tire suas dúvidas sobre a gripe suína

27 abr 2009
08h08
atualizado em 2/5/2009 às 11h44

A Organização Mundial da Saúde (OMS) divulgou nesta segunda-feira um documento em que explica com detalhes o que, quais os sintomas e como se previnir contra a gripe suína, doença que teria sido identificada pela primeira vez no México. Tire duas dúvidas:

Passegeiro mexicano usando uma máscara desembarca no aeroporto de Barcelona
Passegeiro mexicano usando uma máscara desembarca no aeroporto de Barcelona
Foto: AP

O que é gripe suína?
A gripe suína ou gripe porcina é uma doença respiratória altamente contagiosa e aguda que aflige os porcos, causada por um entre os diversos vírus suínos de Influenza Tipo A. A incidência tende a ser elevada e a mortalidade baixa (entre 1% e 4%).

Quais os sintomas da gripe suína?
Em geral, os sintomas clínicos são semelhantes aos da gripe sazonal, mas as formas de apresentação clinicamente reportadas variam amplamente, de infecções assintomáticas à severa pneumonia que pode resultar em morte. Os mais comuns são febre alta, tosse e/ou dor de garganta.

A gripe suína tem cura?
Sim. Remédios antivirais para gripe sazonal estão disponíveis em alguns países, e previnem e tratam a doença de maneira efetiva. Existem duas classes de medicamentos como esses: os adamantanes (amantadine e remantadine) e os inibidores da neuraminidase da gripe (oseltamivir e zanamivir).

Como as pessoas são infectadas por ela?
As pessoas em geral contraem a gripe suína de porcos infectados; no entanto, alguns dos casos humanos não envolviam uma história de contato com porcos ou ambientes nos quais porcos pudessem ter estado presentes. Ocorreram alguns casos de transmissão direta entre seres humanos, mas eles estão limitados a ambientes de estreito contato e a grupos isolados de pessoas.

É seguro comer carne de porco e derivados?
Sim. Não existem indicações de que a gripe suína seja transmissível a pessoas que consumam carne de porco devidamente manuseada e preparada, ou outros derivados de carne de porco. O vírus da gripe suína é morto pelas temperaturas normais de cozimento, da ordem de 70ºC, que correspondem à orientação normal quanto ao preparo de carnes, de porco ou outras.

Quantos casos de morte já foram registrados no mundo?
Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), foram 17 mortes em decorrência da doença em todo o mundo.

Quais os países atingidos?
Segundo a OMS, há reporte de casos confirmados em 15 países: México, Áustria, Canadá, China - Hong Kong, Dinamarca, Estados Unidos, França, Alemanha, Israel, Holanda, Nova Zelândia, Coréia do Sul, Espanha, Suíça e Reino Unido.

Quais os cuidados que devo tomar se for viajar?
Evite contato próximo com pessoas que pareçam doentes, com febre e tosse. Lave as mãos com água e sabão, frequente e cuidadosamente.

Quais os cuidados que devo ter se um parente ou amigo chegar de um desses países?

Se esta pessoa apresentar os sintomas, contacte seu médico ou serviço de saúde antes de ir ao local. Explique por que imagina que esta pessoa está com gripe suína. Siga as recomendações de tratamento que receber.

Como é o tratamento dos doentes?
Não existem informações suficientes para fazer recomendações quanto ao uso de antivirais na prevenção e tratamento de infecções por gripe suína. Os clínicos precisam tomar decisões com base em avaliações clínicas e epidemiológicas, e no custo/benefício da profilaxia/tratamento do paciente.No que tange ao atual surto de infecção por gripe suína no México e Estados Unidos, as autoridades nacionais e locais estão recomendando o uso de oseltamivir ou zanamivir para tratamento e prevenção da doença, com base no perfil de suscetibilidade do vírus.

Qual foi a última vez que o mundo passou por uma pandemia como essa e o que aconteceu?
Em 1968, a propagação de um vírus da gripe originado em Hong Kong provocou a morte de 1 milhão de pessoas, segundo as estimativas da Organização Mundial da Saúde.

O que devo fazer se apresentar sintomas?
Se você não se sente bem e apresenta febre alta, tosse e/ou dor de garganta, fique em casa e afastado do trabalho, da escola ou de lugares movimentados, na medida do possível. Repouse e consuma muitos fluidos. Cubra a boca e o nariz com lenços descartáveis ao tossir ou espirrar, e jogue fora cuidadosamente os lenços de papel usados. Lave as mãos com água e sabão cuidadosa e frequentemente, especialmente depois de tossir ou espirrar. Informe sua família e amigos sobre a doença, e peça ajuda para tarefas caseiras que requerem contato com terceiros, por exemplo ir às compras.

Caso precise de assistência médica, contacte seu médico ou serviço de saúde antes de ir ao local, e informe-os sobre os sintomas. Explique por que imagina estar com gripe suína (por exemplo, por conta de uma viagem recente a um país no qual haja surto humano de gripe suína). Siga as recomendações de tratamento que receber. Se não puder contactar o serviço de saúde com antecedência, comunique sua suspeita de que está sofrendo de gripe suína assim que chegar ao local. Mantenha o nariz e a boca cobertos durante o percurso até lá.

Tradução: Paulo Eduardo Migliacci ME

Fonte: Redação Terra

compartilhe

publicidade