2 eventos ao vivo

SP diz que 40% dos casos de gripe suína vêm de Buenos Aires

23 jun 2009
16h49
atualizado às 16h56
  • separator

O secretário de Saúde de São Paulo, Luiz Roberto Barradas Barata, afirmou nesta terça-feira que existe uma recomendação do governo paulista para as pessoas adiem suas viagens para Argentina, Chile, México e Estados Unidos se puderem. De acordo com o secretário, 40% dos casos de gripe suína registrados em São Paulo foram de pessoas que visitaram Buenos Aires, 15% vieram dos EUA, 5% do Chile e 2,5% do México.

» Escola de BH suspende aulas após caso confirmado
» Gripe suspende aulas em universidade de SP
» Em emergência, cidade do RS suspende aulas e festas
» Caso faz Vale tomar medidas restritivas

"São países com grande número de turistas. Se for possível, pedimos que as pessoas adiem suas viagens. Agora é inverno no hemisfério sul e isso facilita a propagação da doença", disse Barradas Barata.

O governador de São Paulo, José Serra, afirmou que os casos da doença no Estado estão sob controle. "Era esperado que esse número aumentasse agora no inverno, mas está tudo sob controle".

Serra e Barradas Barata participaram, nesta terça-feira, da inauguração do centro de medicina ambulatorial do Hospital Israelita Albert Einstein. Também estiveram no evento o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o ministro da Saúde, José Gomes Temporão.

Veja também:

Por apoio à CPMF, Guedes vai propor cortar à metade tributos sobre salários
Fonte: Redação Terra
publicidade