Rio de Janeiro

Notícias por email

Rio de Janeiro

Terça, 2 de janeiro de 2007, 12h05  Atualizada às 12h22

Rio: Cabral decreta emergência na Saúde e ataca Rosinha

Ernani Alves
Direto do Rio de Janeiro
Busca
Saiba mais na Internet sobre:
Faça sua pesquisa na Internet:

O governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, criticou nesta terça-feira a gestão na área de saúde do governo Rosinha Matheus. Cabral disse que deveria "extingüir" a Secretaria de Saúde se o critério fosse eficiência. Ele decretou estado de emergência por três meses na área no Estado.

» Veja fotos do Rio
» Veja fotos das posses
» Veja: Cabral diz que ataques terão resposta

O governador considerou o quadro dos hospitais "uma barbaridade de ruim". "Nós precisamos refazer a Saúde do Estado do Rio de Janeiro, é um verdadeiro caos, é uma vergonha", declarou. Cabral destacou que o novo secretário de Saúde, o médico Sérgio Côrtes, é o profissional mais adequado para liderar as medidas necessárias para as mudanças.

As declarações foram feitas durante a cerimônia de posse do novo comandante geral do Corpo de Bombeiros do Estado, Pedro Marcos Cruz Machado.

Redação Terra