São Paulo

Notícias por email

São Paulo

Terça, 2 de janeiro de 2007, 11h24  Atualizada às 12h25

SP: novo secretário defende combate ao crime comum

Vagner Magalhães
Direto de São Paulo
Busca
Saiba mais na Internet sobre:
Faça sua pesquisa na Internet:

O advogado Ronaldo Augusto Bretas Mazargão, 58 anos, que assumiu hoje de manhã como secretário de Segurança do Estado de São Paulo, no lugar do atual secretário interino Marcelo Martins de Oliveira, concedeu uma entrevista coletiva hoje, em que defendeu o combate ao crime comum.

"Promoveremos combate implacável ao crime organizado e à criminalidade comum, seja em ações preventivas, seja em ações repressivas", afirmou. Segundo ele, essa é uma das prioridades de sua gestão.

Questionado sobre alterações na legislação, Marzagão criticou a "legislação de panico", como classificou as leis criadas sob o impacto de acontecimentos como ataques da facção criminosa Primeiro Comando da Capital.

"Talvez possa haver alguma alteração, mas antes de haver uma medida concreta é preciso haver reflexão", disse.

Oliveira assumiu no lugar de Saulo de Castro Abreu Filho, que deixou o cargo no fim do ano passado. Ronaldo é promotor público, procurador de Justiça e foi oficial da Polícia Militar, onde chegou à patente de capitão.

Redação Terra