Minas Gerais

Notícias por email

Minas Gerais

Quinta, 28 de dezembro de 2006, 15h59 

MG: população poderá mandar torpedos para Aécio

Ney Rubens
Direto de Belo Horizonte
Busca
Saiba mais na Internet sobre:
Faça sua pesquisa na Internet:

Simples, discreta e rápida. Assim será a posse para o segundo mandato do governador reeleito de Minas Gerais, Aécio Neves (PSDB). A cerimônia de assinatura do termo de posse terá início às 16h do dia 1º de janeiro, no plenário Juscelino Kubistcheck, na Assembléia Legislativa do Estado, no bairro de Lourdes, região Centro-sul de Belo Horizonte.

Aécio e o vice-governador Antônio Augusto Anastásia serão empossados pelo presidente da casa, deputado Mauri Torres (PSDB). Em seguida, o governador fará apenas um pronunciamento rápido aos convidados, já que não haverá a transmissão de faixa.

Após a solenidade na Assembléia, a comitiva segue, de carro, para a Praça da Liberdade, no bairro Funcionários, onde o governador e convidados farão uma caminhada para cumprimentar a população mineira presente à posse.

A cerimônia vai terminar por volta das 18h já dentro do Palácio da Liberdade, sede do governo de Minas Gerais. De uma das sacadas, o governador deverá acenar novamente para o público presente à praça. Por questão de segurança, não será permitida a entrada no Palácio de pessoas que não foram convidadas para a cerimônia oficial.

Será instalado um painel num dos salões do palacete, para serem exibidos os torpedos enviados pela população para o celular de número 6006, habilitado por uma operadora para receber mensagens de felicitações ao governador e seus colaboradores.

No Palácio, acontecerá apenas uma cerimônia rápida, de saudação aos integrantes do novo governo. Não está previsto por enquanto, segundo a assessoria de comunicação do governador, nenhum discurso ou pronunciamento. Por ser uma atividade simples e rápida, também não serão servidas comidas e bebidas para os convidados.

Para a festa da posse, foram convidados deputados federais e estaduais, prefeitos de todos os municípios mineiros, vereadores presidentes das câmaras municipais e as principais autoridades do estado.

No dia 2 de janeiro, às 15h, o governador Aécio Neves empossa os 19 secretários que vão compor o primeiro escalão do governo. Em seguida, às 16h, vai acontecer uma missa na capela do Palácio da Liberdade.

Os valores gastos nas duas solenidades na Assembléia Legislativa e no Palácio da Liberdade não vão ser divulgados, segundo as assessorias de imprensa.

Redação Terra