Aluno ganha disputa para usar saia na escola

25 de janeiro de 2006 • 16h10 • atualizado às 16h24
O aluno quer usar saia para protestar contra a política da escola de proibir o uso de calções Foto: AP
O aluno quer usar saia para protestar contra a política da escola de proibir o uso de calções
25 de janeiro de 2006
Foto: AP

Michael Coviello, aluno de uma escola de Hasbrouck Heights, em New Jersey, nos EUA, conquistou o direito de usar saia na sala de aula. O garoto, com o auxílio da União Americana para as Liberdades Civis, chegou a um acordo com a direção do colégio.

Coviello quer usar saia para protestar contra a política da escola de proibir o uso de calções nas suas dependências. O código de vestuário da instituição baniu o uso da vestimenta, mas não de saias, política que Michael considera discriminatória.

O aluno começou o protesto usando saias que pareciam fantasias. Alguns dias mais tarde, foi mandado para casa com um bilhete do diretor que dizia que caso fosse novamente para aula com uma saia, vestido ou kilt (saia escocesa para homens), seria expulso.

O superintendente do distrito, Joseph C. Luongo, disse para o estudante comprar saias convencionais em uma loja, sugestão que Coviello obedeceu. "Estou feliz em poder usar saias novamente e chamar atenção ao fato de que a proibição aos calções não tem sentido", disse Coviello.

AP - Copyright 2007 Associated Press. Todos os direitos reservados. Este material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído.
 
Enviar para amigos
Fechar por:
Enviar para amigos
Fechar por:

Imprimir

Fechar
Mais vistos

Notícias

  1. Carregando...
leia mais notícias »