Colombiano se fere com tiro ao ir no banheiro

01 de fevereiro de 2005 • 18h50 • atualizado às 18h50

O prefeito do povoado colombiano de Ramiriqui, Rafael Augusto Galán, ficou ferido em uma das nádegas quando a arma que carregava nas calças disparou na hora em que sentava no vaso sanitário, informaram meios de comunicação locais.

O incidente aconteceu quando o prefeito guiava um grupo de homens que transportava uma réplica do Senhor dos Alabastros, figura que seria entronizada neste povoado do departamento andino de Boyacá, cerca de 200 quilômetros ao norte de Bogotá, informou o jornal El Tiempo.

Ao chegar ao local conhecido como "O Santuário", Galán, 39 anos, entrou numa loja e pediu para ir ao banheiro, de onde se ouviu um tiro de uma pistola 9 milímetros quando o prefeito sentava no vaso sanitário.

O prefeito disse que, além do barulho do disparo, sentiu "um calor insuportável" em sua nádega esquerda. Galán foi ajudado por seu filho, que o levou ao hospital local, de onde mais tarde foi transferido para Tunja, capital de Boyacá.

Segundo a publicação, o paciente teve que ser operado, já que a bala atingiu o cólon. Os médicos aconselharam ao prefeito "tranqüilidade e repouso absoluto".

Galán declarou que, por segurança, sempre anda armado. Ele também lembrou que há três anos ficou ferido em uma das pernas quando tirava uma alta quantia de dinheiro do banco e uns ladrões atiraram nele.

EFE - Agência EFE - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita da Agência EFE S/A.
 
Enviar para amigos
Fechar por:
Enviar para amigos
Fechar por:

Imprimir

Fechar
Mais vistos

Notícias

  1. Carregando...
leia mais notícias »