Menino contrata prostitutas para jogar videogame

19 de maio de 2008 • 15h12 • atualizado às 15h12

Um adolescente foi pego usando o cartão de crédito do pai para contratar prostitutas para jogar videogame com ele em Newark, Estado americano do Texas. Ralph Hardy, 13 anos, gastou mais de R$ 48 mil com o serviço para ele e um grupo de amigos, segundo o diário online Metro.

» Prostitutas atendem de graça na Itáliap
» Ex-prostitutas são candidatas na Turquia
» Amsterdã homenageia prostitutas
» Jovem urina em videogame e desmaia com choque

O entregador de uma loja alertou a polícia após os garotos pedirem informações sobre onde poderiam encontrar prostitutas. Os garotos afirmaram ao entregador que haviam ganho dinheiro no jogo World Of Warcraft, mas ele suspeitou da idade deles.

Os oficiais que detiveram os adolescentes descobriram mais R$ 4,9 mil, um Xbox e as duas prostitutas quando chegaram ao motel. As mulheres afirmam que os garotos preferiram jogar videogame a fazer sexo.

Hardy foi condenado por fraude e terá que prestar três anos de trabalhos comunitários. Ele afirmou que seu pai nem lembraria do feito, já que ele esqueceu de comprar seu presente de aniversário uma semana antes.

Redação Terra
 
Enviar para amigos
Fechar por:
Enviar para amigos
Fechar por:

Imprimir

Fechar
Mais vistos

Notícias

  1. Carregando...
leia mais notícias »