Porca gorda que gerou processo começa dieta

07 de novembro de 2007 • 09h32 • atualizado às 09h48
Michelle Schmitz alimenta seu porco de estimação, Alaina, com lanche light  Foto: AP
Michelle Schmitz alimenta seu porco de estimação, Alaina, com lanche light
07 de novembro de 2007
Foto: AP

Uma porca que triplicou de peso enquanto estava sob os cuidados de uma babá iniciou sua dieta para voltar ao peso ideal. A tratadora foi processada por não ter cuidado adequadamente do animal.

» Mulher processa babá por engordar porco
» Policiais perseguem lagostas fugitivas
» Esquilo gordo fica preso em alimentador

Alaina Templeton, 5 anos, já perdeu 10% de seus 68 kg e se recupera bem da cirurgia que fez para retirar a coleira que usava e havia se tornado excessivamente apertada depois que ela engordou, segundo sua dona, Michelle Schmitz, moradora de Winona, no Estado do Minnesota (EUA).

Aparentemente, Alaina foi fartamente alimentada com comida para gatos e frangos. A dona disse hoje que com a dieta saudável e exercícios físicos ela e o veterinário acreditam que o animal retornará ao seu peso ideal, 23 kg.

A babá, Mary Beesecker, 52 anos, de Houston, foi processada por crueldade contra animais. "Quero que ela seja responsabilizada por aquilo que fez", disse Michelle.

AP - Copyright 2007 Associated Press. Todos os direitos reservados. Este material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído.
 
Enviar para amigos
Fechar por:
Enviar para amigos
Fechar por:

Imprimir

Fechar
Mais vistos

Notícias

  1. Carregando...
leia mais notícias »