Pintor morto há 556 anos recebe oferta de cartão

16 de abril de 2007 • 22h45 • atualizado às 22h45

O correio alemão enviou uma carta para o pintor Stephan Lochner para promover um serviço de filatelia, apesar de o artista já ter morrido há mais de meio milênio.

A carta foi enviada para um endereço que existe até hoje, na catedral da cidade de Colônia. Segundo o pároco local, o pintor também recebeu recentemente uma proposta para adquirir um cartão de crédito e uma assinatura de jornal.

Stephan Lochner viveu no século 15 e pintou um famoso altar da catedral de Colônia, que é uma das maiores igrejas da Alemanha.

O pároco Norbert Feldhoff diz acreditar que o nome e o endereço do pintor foram obtidos de antigas listas de endereços.

Feldhoff escreveu uma carta ao presidente da empresa de correios alemã Deutsche Post dizendo que "tragicamente, em seu estado atual, Stephan Lochner não poderá desfrutar de sua oferta, já que morreu séculos atrás".

Os correios enviaram uma resposta bem-humorada dizendo: "neste caso, não insistiremos em ganhar um novo cliente".

A empresa também anunciou que vai fazer uma doação de exatos 1.111,11 euros (cerca de R$ 3.040) para o novo vitral da catedral.

Na Alemanha, o número 11 é considerado o número dos tolos e dos foliões. Colônia é conhecida por sediar o maior carnaval do país.

BBC Brasil - BBC BRASIL.com - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita da BBC BRASIL.com.
 
Enviar para amigos
Fechar por:
Enviar para amigos
Fechar por:

Imprimir

Fechar
Mais vistos

Notícias

  1. Carregando...
leia mais notícias »