Mulher com flatulência obriga avião a pouso de emergência

05 de dezembro de 2006 • 22h04 • atualizado às 22h09

Um inoportuno ataque de flatulências e o pudor da passageira que o sofreu obrigaram um avião da American Airlines a efetuar um pouso de emergência no aeroporto de Nashville (Tennessee), informaram hoje meios de comunicação locais. Vários passageiros da aeronave, que voava de Washington para Dallas (Texas), começaram a sentir cheiro de fósforos queimados. Por causa disso, o alarme do avião tocou e o piloto decidiu pousar em Nashville.

O FBI (polícia federal americana) e a Administração de Segurança dos Transportes foram acionados pelo que se considerava uma situação de emergência. Os 99 passageiros e os cinco membros da tripulação foram retirados do avião, assim como toda a bagagem, para que fosse feita uma inspeção.

Os cachorros da Polícia detectaram os fósforos queimados dentro do aparelho. O FBI interrogou uma passageira que admitiu ter acendido os fósforos para ocultar o odor de suas flatulências e que disse ter problemas médicos.

O aviao decolou de novo, mas deixou a mulher em terra. A American Airlines proibiu a passageira de voltar a voar pela companhia aérea "durante muito tempo".

EFE - Agência EFE - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita da Agência EFE S/A.
 
Enviar para amigos
Fechar por:
Enviar para amigos
Fechar por:

Imprimir

Fechar
Mais vistos

Notícias

  1. Carregando...
leia mais notícias »