0

Rebeldes sírios deixam a entrada de antiga cidade cristã

6 set 2013
07h40
atualizado às 07h50

Os rebeldes sírios se retiraram de uma das entradas de Maalula, cidade que controlavam desde quarta-feira, afirmou a oposição, que alegou desejar preservar os monumentos religiosos e arqueológicos desta antiga cidade cristã situada ao norte de Damasco.

"As unidades do Exército Sírio Livre destruíram na quarta-feira os postos militares de Maalula e de Jabadin controlados pelo exército sírio na estrada Damasco-Homs depois de violentos combates com as forças do presidente Bashar al-Assad e seus reforços", anunciou a Coalizão Nacional Síria (oposição) em um comunicado.

"O exército livre se posicionou durante várias horas nas imediações da cidade, mas não atacou nenhuma igreja ou convento", destacou a oposição.

A coalizão repetiu que deseja "proteger todos os sírios, sem distinção de religião, raça, confissão ou grupo político, e se preocupa constantemente com preservar o legado humano e religioso da Síria por todos os meios possíveis".

Maalula, a 55 km de Damasco, é uma das cidades cristãs mais conhecidas da Síria e seus habitantes falam aramaico. Algumas áreas da cidade datam dos primeiros séculos do cristianismo.

AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 

compartilhe

publicidade
publicidade