1 evento ao vivo

Putin diz que Congresso dos EUA não tem direito de aprovar ataque à Síria

4 set 2013
11h10
atualizado às 11h21

O presidente russo, Vladimir Putin, disse nesta quarta-feira que o Congresso dos EUA não tem o direito de aprovar o uso da força contra a Síria sem uma decisão do Conselho de Segurança da ONU, e se o fizer estará cometendo um "ato de agressão".

Presidente russo, Vladimir Putin, concede entrevista em sua residência oficial, em Novo-Ogaryovo, Moscou, 3 de setembro de 2013. Putin disse nesta quarta-feira que o Congresso dos EUA não tem o direito de aprovar o uso da força contra a Síria sem uma decisão do Conselho de Segurança da ONU, e se o fizer estará cometendo um "ato de agressão".
Presidente russo, Vladimir Putin, concede entrevista em sua residência oficial, em Novo-Ogaryovo, Moscou, 3 de setembro de 2013. Putin disse nesta quarta-feira que o Congresso dos EUA não tem o direito de aprovar o uso da força contra a Síria sem uma decisão do Conselho de Segurança da ONU, e se o fizer estará cometendo um "ato de agressão".
Foto: Alexei Druzhinin / Reuters

Putin também acusou o secretário de Estado norte-americano, John Kerry, de mentir ao Congresso sobre o papel da rede militante Al Qaeda no conflito sírio ao buscar aprovação dos parlamentares dos Estados Unidos para uma ação militar contra o governo da Síria.

(Reportagem de Darya Korsunskaya)

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
publicidade