3 eventos ao vivo

Partido curdo anuncia retirada da Turquia a partir de maio

25 abr 2013
10h31
atualizado às 10h32

O chefe militar do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK, proibido), Murat Karayilan, anunciou nesta quinta-feira que os combatentes rebeldes começarão a se retirar da Turquia para suas bases no norte do Iraque a partir do dia 5 de maio, em um processo de paz com Ancara.

"Como parte dos preparativos em andamento, a retirada deve começar em 5 de maio (...) para terminar no menor tempo possível", afirmou Karayilan durante conferência de imprensa no Curdistão iraquiano, citado pela agência de notícias pró-curda Firat.

AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 
publicidade