0

Oposição síria elege George Sabra como presidente interino

22 abr 2013
13h52

A Coalizão Nacional Síria (CNFROS), principal órgão da oposição síria, elegeu nesta segunda-feira em Istambul o veterano opositor George Sabra como presidente interino da aliança, após a demissão de Muaz al-Khatib.

O presidente definitivo da coalizão será eleito na terceira semana de maio, segundo disse à Agência Efe Mulhen al Darubi, membro do Conselho Nacional Sírio (CNS), o principal grupo dentro da CNFROS e que está dirigido pelo próprio Sabra.

A coalizão ainda não decidiu a data exata nem o local da reunião que escolherá o novo presidente da CNFROS.

Sabra, esquerdista e de denominação cristã, foi nomeado presidente do CNS em 9 de novembro, quando o grupo ainda era o principal movimento da oposição síria no exílio.

Dois dias mais tarde, a CNFROS se formou em Doha com o objetivo de incluir mais correntes opositoras, e Sabra passou a ocupar uma das vice-presidências na aliança.

A coalizão opositora não anunciou oficialmente a eleição de Sabra e se limitou a informar que dará uma entrevista coletiva hoje para falar do último massacre cometido pelo regime de Damasco e das operações do grupo libanês Hezbollah em território sírio.

A designação do veterano opositor como presidente interino da CNFROS acontece um dia depois que uma fonte da CNFROS, que pediu o anonimato, disse à Efe que a coalizão aceitou ontem em Istambul a renúncia de Khatib.

Khatib anunciou sua demissão em 24 de março, mas a CNFROS rejeitou sua renúncia e insistiu que representasse a aliança na cúpula de chefes de Estado árabes de Doha realizada pouco depois.

Em mensagem divulgada em sua conta pessoal de Facebook, Khatib lamentou a falta de liberdade dentro das "instituições oficiais" e que a grave situação na Síria "não foi suficiente para que se tome uma decisão internacional que permita o povo sírio se defender".

EFE   

compartilhe

publicidade
publicidade