1 evento ao vivo

ONU aprova implentação de missão no Mali em 1º de julho

25 jun 2013
15h55
atualizado às 16h16
  • separator
  • 0
  • comentários

O Conselho de Segurança da ONU deu o seu acordo tácito para que a Missão das Nações Unidas no Mali (Minusma) seja implantada a partir de 1º de julho, anunciou à imprensa o embaixador britânico Mark Lyall Grant.

"Houve um acordo unânime dos membros do Conselho para que avancemos para a próxima fase com a implementação no Mali da Minusma a partir de 1º de julho", disse o diplomata, que preside o Conselho em junho.

As Forças Armadas francesas, que iniciaram uma operação militar em janeiro para conter o avanço dos islamitas na capital do Mali, passarão a responsabilidade pela missão à Minusma. A França manterá 1 mil soldados no país em missões anti-terroristas.

"As condições de segurança são satisfatórias, não registramos atentados contra forças malinenses e africanas e, o mais importante, apesar dos temores de algumas pessoas, o processo político tem registrado uma evolução positiva", afirmou o embaixador da França na ONU, Gerard Araud.

AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade