0

Grã-Bretanha considera tomar ação na Justiça sobre Gibraltar

12 ago 2013
08h55
atualizado às 08h59

A Grã-Bretanha está "considerado seriamente" tomar ação judicial contra a Espanha a respeito das cobranças na fronteira com Gibraltar, que tem provocado atrasos na travessia, disse um porta-voz do primeiro-ministro britânico, David Cameron.

As tensões sobre Gibraltar, território britânico no Mediterrâneo reivindicado pelos espanhóis, surgiram no início do mês, quando a Espanha queixou-se que um recife artificial que está sendo construído por Gibraltar iria bloquear os seus navios de pesca.

A Espanha impôs medidas como um fiscalização mais rigorosa para as pessoas que entram no país a partir de Gibraltar, provocando atrasos para milhares de turistas e cidadãos locais. Madri também cogita cobrar taxas mais caras para a entrada no país e impor restrições sobre o uso do espaço aéreo para voos que vão para o aeroporto de Gibraltar.

O porta-voz de Cameron disse que a Grã-Bretanha considera as verificações espanholas mais rígidas na fronteira "politicamente motivadas e totalmente desproporcionais", e devem ser retiradas.

Gibraltar tem sido uma fonte de tensão desde que a Espanha cedeu o território à Grã-Bretanha no Tratado de Utrecht, 300 anos atrás.

(Reportagem de William James e Peter Griffiths)

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.

compartilhe

publicidade
publicidade