0

Bombardeio mata militantes egípcios que iam disparar foguetes contra Israel

9 ago 2013
13h46
atualizado às 13h52

Um ataque aéreo de origem ainda indeterminada matou nesta sexta-feira o Egito, combatentes que pretendiam disparar foguetes na direção de Israel, perto da fronteira entre os dois países, informaram à AFP um dirigente egípcio e testemunhas.

Algumas fontes se referiram a um ataque procedente de Israel e outras atribuíram ao exército egípcio.

Duas explosões foram ouvidas na península do sinai, a 3 km da fronteira com Israel, indicou o exército egípcio.

"As forças armadas estão rastreando a zona para encontrar a causa", explicou porta-voz Ahmed Aly em um comunicado.

AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 
publicidade