1 evento ao vivo

Atentados no Iraque deixam ao menos 58 mortos

27 mai 2013
15h16
atualizado às 15h17

Atentados a bomba cometidos esta segunda-feira no Iraque, em especial contra áreas xiitas de Bagdá, deixaram um total de 58 pessoas mortas e pelo menos 187 feridos, informaram médicos e funcionários da área de segurança.

Foram registrados no total 19 ataques em todo o país, incluindo mais de uma dezena de ataques com bombas, que elevaram o saldo geral pela violência no mês de maio a mais de 500 mortos, de acordo com dados oficiais.

Apenas na região de Bagdá, 55 pessoas morreram.

Em um dos ataques, dois carros-bomba explodiram perto de uma concessionária de veículos usados no bairro de Habibiyah, destruindo dezenas de carros nas proximidades do estádio onde a Seleção de futebol iraquiana receberá a Libéria para um amistoso.

Os atentados ainda não foram reivindicados, mas as séries de explosões coordenadas são geralmente provocadas pelos insurgentes sunitas ligados à Al-Qaeda, que têm como alvo os xiitas, procurando desestabilizar o país.

Na semana passada, o primeiro-ministro iraquiano, Nuri al-Maliki, ordenou mudanças na segurança para responder à onda de violência.

AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 
publicidade