0

Atentado no Iraque mata quatro peregrinos xiitas

17 nov 2012
12h03
atualizado às 12h27

Pelo menos quatro peregrinos xiitas procedentes do Irã e do Paquistão morreram neste sábado e outros 26 ficaram feridos pela explosão de um carro-bomba ao norte de Bagdá, informaram à agência EFE fontes da polícia iraquiana.

As fontes explicaram que um automóvel explodiu perto de dois ônibus que transportavam fiéis iranianos e paquistaneses nas proximidades de um restaurante na cidade de Balad, 80 km ao norte da capital iraquiana.

Além disso, declararam que a explosão causou danos em veículos e lojas próximas ao local, que foi cercado pelas forças de segurança para facilitar a evacuação dos feridos ao hospital local.

As autoridades iraquianas extremaram a segurança nestas dias, já que os fiéis xiitas intensificaram suas visitas aos santuários dessa confissão localizados em diferentes locais do Iraque durante os primeiros dias do mês lunar de Muharram, que começou na quinta-feira passada e marca o início do ano muçulmano.

O Iraque vive uma escalada da violência com frequentes ataques dirigidos contra alvos xiitas e forças de segurança desde a retirada, em dezembro passado, das tropas americanas.

EFE   

compartilhe

publicidade