0

Ataque contra Irã desencadearia terceira guerra, diz militar

23 set 2012
12h48
atualizado às 13h01

Um chefe dos Guardiões da Revolução, corpo de elite do regime iraniano, disse que uma ofensiva de Israel contra o Irã desencadearia uma "terceira guerra mundial" e advertiu para um eventual ataque preventivo de Teerã em caso de preparativos israelenses.

Se Israel e Irã se enfrentarem militarmente "será uma terceira guerra mundial", declarou o general Amir Ali Hajizadeh, maior autoridade da Aeronáutica, à rede de televisão iraniana Al-Alam. "Não podemos imaginar o regime sionista começar uma guerra sem o apoio dos Estados Unidos. Por isso, no caso de uma guerra, nós entraremos em guerra contra ambos", disse. "Neste caso, ocorreriam coisas imprevisíveis e inimagináveis, e poderia se converter na Terceira Guerra Mundial", acrescentou.

"O Irã não irá começar a guerra, mas poderia lançar um ataque preventivo se tivesse certeza de que os inimigos estão dando os toques finais para nos atacar", disse Hajizadeh, responsável pelo sistema de mísseis.

Os dirigentes israelenses ameaçam com frequência que efetuarão ataques contra as instalações nucleares iranianas para impedir que esse país produza a arma nuclear, embora Teerã insista no caráter civil de seu polêmico programa. Israel, considerado o único país que a possuir a bomba atômica na região, considera que o programa nuclear israelense representa uma ameaça a sua existência.

Com informações de agências internacionais.

Fonte: Terra
publicidade