2 eventos ao vivo

Resgatadas 106 pessoas de barco que naufragou nas águas da Austrália

20 ago 2013
06h55
atualizado às 07h30

Cento e seis pessoas, solicitantes de asilo, foram resgatadas nesta terça-feira de um barco que naufragou perto da ilha australiana de Christmas, no oceano Índico, anunciaram as autoridades.

Todas as pessoas resgatadas estão em bom estado de saúde, com exceção de duas, que sofreram ferimentos leves, indicou a Autoridade de Segurança Marítima australiana (AMSA), que afirmou que as operações de resgate prosseguiam.

"Uma parte do navio estava submersa e a outra flutuava. Muitas pessoas estavam na água", afirmou a AMSA, segundo as informações divulgadas pela embarcação de socorro "Parramata", a primeira a chegar ao local.

"Por volta das 15h30 (02h30 de Brasília), o 'Parramata' já havia recuperado 106 pessoas", indicou a AMSA.

O pedido de auxílio foi recebido na manhã desta terça-feira através de uma chamada telefônica de um passageiro, disse.

"A embarcação estava 120 milhas náuticas ao norte da ilha Christmas, com 105 pessoas a bordo, segundo nossas informações", havia indicado em um primeiro momento uma porta-voz da AMSA.

"O barco de socorro 'Parramata' chegou ao local às 12h30 locais (23h30 de Brasília) e indicou que o navio estava afundando", havia informado a porta-voz.

O tema dos solicitantes de asilo que chegam pelo mar é extremamente sensível na Austrália.

Segundo números oficiais, desde o início de 2013 cerca de 18.000 pisaram em solo australiano, com frequência na ilha Christmas.

Os imigrantes, curdos, iranianos ou iraquianos, embarcam em geral na Indonésia muitas vezes em embarcações com sobrecarga ou em mau estado de conservação, para tentar alcançar a Austrália e pedir refúgio político.

Centenas deles se afogaram nos últimos anos nestas viagens de alto risco.

AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 

compartilhe

publicidade