4 eventos ao vivo

Naufrágio no litoral da Austrália deixa ao menos 4 imigrantes mortos

17 jul 2013
00h55
atualizado às 01h12
  • separator
  • comentários

Pelo menos quatro pessoas morreram após o naufrágio de uma embarcação no norte da ilha Christmas, na Austrália, informou nesta quarta-feira a imprensa local.

O navio, que transportava cerca de 150 imigrantes ilegais, naufragou na tarde de ontem, quando já era escoltado por dois navios da marinha australiana em direção à terra firme.

Antes de afundar, o navio "começou a se inclinar para um dos lados, enquanto seus passageiros começaram a saltar pela borda", apontou o ministro de Justiça da Austrália, Jason Clare, aos jornalistas.

A ilha de Christmas, por ser situada próxima à costa de Java, na Indonésia, é um dos pontos mais usados pelos grupos de contrabandistas dedicados a introduzir pessoas que buscam refúgio ou uma nova vida na Austrália.

No último fim de semana, um bebê morreu afogado em outro acidente marítimo similar.

A imigração ilegal foi nas últimas décadas um dos principais problemas dos governos australianos, cujas políticas apresentadas para deter a grande onda de imigrantes foram condenadas tanto pela ONU quanto pelos defensores dos direito humanos.

Durante o primeiro trimestre de 2013, umas 3.864 pessoas tentaram chegar às costas australianas.

Embora a viagem dos imigrantes não termine na chegada ao solo australiano, o governo do país aprovou em agosto de 2012 a abertura de centros de detenção em Papua Nova Guiné e Nauru para tramitar as solicitações de asilo, que, em caso de recusa, acabam em deportações.

O administrador das ilhas Christmas, Jon Stanhope, qualificou as mortes como uma tragédia e indicou que espera que, dentro debate sobre a imigração ilegal, as autoridades olhem "os solicitantes de asilo não como um grupo de indivíduos anônimo, mas como seres humanos que têm esperanças, aspirações, sonhos e que sentem a mesma dor que nós".

EFE   

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade