inclusão de arquivo javascript

 
 

Bélgica presta homenagem às vítimas do acidente de ônibus

16 de março de 2012 13h54 atualizado às 14h34

Policiais escoltam carros que levam os caixões das vítimas, em Lommel. Foto: AP

Policiais escoltam carros que levam os caixões das vítimas, em Lommel
Foto: AP

A Bélgica fez nesta sexta-feira às 11h (7h de Brasília) um minuto de silêncio em homenagem às 28 pessoas que morreram em um acidente de ônibus, entre elas 22 crianças, na terça-feira à noite na Suíça.

Os restos mortais das 28 vítimas foram repatriados da Suíça pela manhã, enquanto as crianças feridas continuavam chegando à Bélgica para se juntar às suas famílias.

Todas as bandeiras foram içadas a meio mastro nos edifícios oficiais e as igrejas do reino soaram seus sinos às 11h01 (07h01 de Brasília). O reino decretou luto nacional nesta sexta-feira, conforme constataram jornalistas da AFP.

A emoção era particularmente intensa nas escolas primárias de Heverlee (centro) e de Lommel (nordeste), onde estudavam as 46 crianças que viajavam no ônibus. Em Lommel, 15 estudantes e dois adultos da escola morreram no acidente e apenas seis sobreviveram.

Nesta cidade situada próxima à Holanda, os funcionários municipais se reuniram diante da Câmara Municipal em total silêncio. "Toda a cidade, toda a província, toda a Bélgica apoia as famílias. É muito importante", disse um transeunte, Dirk De Vroeve.

Em Heverlee, os alunos soltaram balões brancos com mensagens depois do minuto de silêncio.

Membros das famílias reais belga e holandesa agendaram uma visita a Lommel e Heverlee para a próxima quarta-feira, a pedido dos pais das vítimas, para uma cerimônia de homenagem.

Em Bruxelas, o primeiro-ministro Elio Di Rupo prestou homenagem na esplanada da sede do governo com os membros de seu gabinete e da administração.

Por um minuto, a capital parou, os ônibus, bondes e trens subterrâneos desligaram seus motores e os usuários interromperam suas conversas. Próximo à Grand-Place, a pequena estátua de Manneken Pis, símbolo da cidade, tinha uma braçadeira preta.

Pela manhã, os dois aviões C-130 que transportavam os corpos das 28 vítimas aterrissaram na base militar de Melsbroek, próxima a Bruxelas. Os pertences das vítimas mortas chegaram em um terceiro voo.

Os caixões foram escoltados até Lommel, Heverlee e Aarschot (de onde são oriundos os dois condutores do ônibus). Seis dos mortos levados a Lommel são de nacionalidade holandesa. Nesta sexta-feira chegaram em seis aviões os 20 feridos que serão internados no hospital de Lovaina.

Na Suíça, a polícia continua a investigação para determinar as causas do acidente que aconteceu em um túnel de Sierre (sul). A justiça suíça informou nesta sexta-feira em uma coletiva de imprensa que a autópsia do condutor não revelou indícios de álcool e não permitiu maiores detalhes sobre a causa de um mal-estar.

"Não há presença de álcool no organismo do motorista" e "não há elementos que permitem identificar um mal-estar. Teremos mais informações nas próximas semanas", disse o promotor Olivier Elsig.

Quanto à hipótese levantada pela imprensa que diz que o motorista quis colocar um DVD pouco antes do acidente, o chefe da polícia local informou que não falaria sobre este ponto. "Todos os depoimentos dos alunos serão considerados", acrescentou.

AFP
AFP - Todos os direitos de reprodução e representação reservados. Clique aqui para limitações e restrições ao uso.
  1. Fotos divulgadas pelo Departamento de Defesa belga mostram familiares das crianças mortas em acidente de ônibus na Suíça desembarcando no aeroporto de Melsbroek  Foto: AP

    Fotos divulgadas pelo Departamento de Defesa belga mostram familiares das crianças mortas em acidente de ônibus na Suíça desembarcando no aeroporto de Melsbroek

    Foto: AP

  2. Policiais esperaram a chegada do avião trazendo os pais das crianças na pista do aeroporto  Foto: AP

    Policiais esperaram a chegada do avião trazendo os pais das crianças na pista do aeroporto

    Foto: AP

  3. Morreram no acidente 28 pessoas, sendo 22 crianças  Foto: AP

    Morreram no acidente 28 pessoas, sendo 22 crianças

    Foto: AP

  4. Durante o dia de hoje, os primeiros corpos das vítimas começarão a chegar à Bélgica a bordo de um avião militar C-130 Hércules que viajou na tarde de quinta-feira à Suíça  Foto: AP

    Durante o dia de hoje, os primeiros corpos das vítimas começarão a chegar à Bélgica a bordo de um avião militar C-130 Hércules que viajou na tarde de quinta-feira à Suíça

    Foto: AP

  5.    Foto: Terra



    Foto: Terra

  6. Belgas choram e deixam lembranças em frente à escola primária, onde flores, velas, brinquedos e mensagens homenageiam as 22 crianças mortas em um acidente na quarta-feira, na Suíça. Ao todo, 28 pessoas perderam a vida quando o ônibus em que estavam colidiu contra uma das paredes de um túnel. Nesta quinta, a Bélgica amanheceu de luto pelas vítimas da tragédia  Foto: AFP

    Belgas choram e deixam lembranças em frente à escola primária, onde flores, velas, brinquedos e mensagens homenageiam as 22 crianças mortas em um acidente na quarta-feira, na Suíça. Ao todo, 28 pessoas perderam a vida quando o ônibus em que estavam colidiu contra uma das paredes de um túnel. Nesta quinta, a Bélgica amanheceu de luto pelas vítimas da tragédia

    AFP
    Foto: AFP

  7. Ursos de pelúcia foram pendurados nas grades de escola belga  Foto: AFP

    Ursos de pelúcia foram pendurados nas grades de escola belga

    AFP
    Foto: AFP

  8. Jovem deixa flores em frente à escola primária em Lomme, em homenagem às crianças mortas no acidente  Foto: AFP

    Jovem deixa flores em frente à escola primária em Lomme, em homenagem às crianças mortas no acidente

    AFP
    Foto: AFP

  9.    Foto: Terra



    Foto: Terra

  10. Um ônibus que transportava um grupo de estudantes belgas que voltava de uma viagem de esqui bateu na parede de um túnel na Suíça na noite de terça-feira, matando 28 pessoas, incluindo 22 crianças. Nesta quarta, flores em homenagem às vítimas foram deixadas em uma passarela próxima ao local do acidente  Foto: AFP

    Um ônibus que transportava um grupo de estudantes belgas que voltava de uma viagem de esqui bateu na parede de um túnel na Suíça na noite de terça-feira, matando 28 pessoas, incluindo 22 crianças. Nesta quarta, flores em homenagem às vítimas foram deixadas em uma passarela próxima ao local do acidente

    AFP
    Foto: AFP

  11. Vinte e oito pessoas, a maioria crianças, morreram no acidente  Foto: AFP

    Vinte e oito pessoas, a maioria crianças, morreram no acidente

    AFP
    Foto: AFP

  12. Pedestre deixa flores em homenagens às vítimas em uma passarela próxima ao túnel onde aconteceu o acidente  Foto: AFP

    Pedestre deixa flores em homenagens às vítimas em uma passarela próxima ao túnel onde aconteceu o acidente

    AFP
    Foto: AFP

  13. Flores foram deixadas em uma passarela próxima ao túnel onde aconteceu o acidente, em Sierre  Foto: AFP

    Flores foram deixadas em uma passarela próxima ao túnel onde aconteceu o acidente, em Sierre

    AFP
    Foto: AFP

  14. O premiê belga, Elio Di Rupo, participa de conferência de imprensa sobre o acidente em Bruxelas  Foto: AFP

    O premiê belga, Elio Di Rupo, participa de conferência de imprensa sobre o acidente em Bruxelas

    AFP
    Foto: AFP

  15. Carro fúnebre levando caixão com corpo de vítima do acidente chega ao necrotério de Sion  Foto: Reuters

    Carro fúnebre levando caixão com corpo de vítima do acidente chega ao necrotério de Sion

    Reuters
    Foto: Reuters

  16. Homem ajuda um menino a pendurar seu desenho em outros que homenageiam as crianças mortas em um acidente com um ônibus em Sierre. Das 28 vítimas, 22 eram crianças, e muitas delas estudavam na Escola Sint Lambertus, na Bélgica  Foto: Reuters

    Homem ajuda um menino a pendurar seu desenho em outros que homenageiam as crianças mortas em um acidente com um ônibus em Sierre. Das 28 vítimas, 22 eram crianças, e muitas delas estudavam na Escola Sint Lambertus, na Bélgica

    Reuters
    Foto: Reuters

  17. Equipe remove destroços do ônibus após a colisão contra uma das paredes do túnel  Foto: Reuters

    Equipe remove destroços do ônibus após a colisão contra uma das paredes do túnel

    Reuters
    Foto: Reuters

  18. Criança observa os recados de condolências e desenhos deixados no muro da escola onde estudavam muitas das vítimas do acidente  Foto: Reuters

    Criança observa os recados de condolências e desenhos deixados no muro da escola onde estudavam muitas das vítimas do acidente

    Reuters
    Foto: Reuters

  19. Familiares de vítimas do acidente com um ônibus que transportava 52 pessoas se deseperam ao saber que 28 morreram na colisão contra uma das paredes de um túnel, na localidade de Sierre  Foto: EFE

    Familiares de vítimas do acidente com um ônibus que transportava 52 pessoas se deseperam ao saber que 28 morreram na colisão contra uma das paredes de um túnel, na localidade de Sierre

    EFE
    Foto: EFE

  20. Policial ajuda na remoção da carcaça do ônibus   Foto: Reuters

    Policial ajuda na remoção da carcaça do ônibus

    Reuters
    Foto: Reuters

  21. De acordo com as autoridades de Valais, os viajantes eram crianças que retornavam para casa após passar férias esquiando em Val dAnniviers, nos Alpes suíços  Foto: AFP

    De acordo com as autoridades de Valais, os viajantes eram crianças que retornavam para casa após passar férias esquiando em Val d'Anniviers, nos Alpes suíços

    AFP
    Foto: AFP

  22. Parte frontal do veículo ficou totalmente destruída  Foto: Reuters

    Parte frontal do veículo ficou totalmente destruída

    Reuters
    Foto: Reuters

  23. Ônibus começa a ser guinchado para liberar o túnel  Foto: AFP

    Ônibus começa a ser guinchado para liberar o túnel

    AFP
    Foto: AFP

  24. Alguns feridos foram levados para quatro hospitais da região, enquanto outros foram levados de helicóptero para hospitais em Bern e Lausanne  Foto: AP

    Alguns feridos foram levados para quatro hospitais da região, enquanto outros foram levados de helicóptero para hospitais em Bern e Lausanne

    Foto: AP

  25. O incidente ocorreu na noite de terça-feira na localidade de Sierre, cantão de Valais, perto da fronteira com a Itália  Foto: AP

    O incidente ocorreu na noite de terça-feira na localidade de Sierre, cantão de Valais, perto da fronteira com a Itália

    Foto: AP

  26. Ao menos 28 belgas, incluindo 22 crianças, morreram após um acidente de ônibus na Suíça. Outras 24, todas elas entre 12 anos, ficaram crianças feridas, algumas em estado grave  Foto: AP

    Ao menos 28 belgas, incluindo 22 crianças, morreram após um acidente de ônibus na Suíça. Outras 24, todas elas entre 12 anos, ficaram crianças feridas, algumas em estado grave

    Foto: AP

/mundo/foto/0,,00.html