inclusão de arquivo javascript

 
 

População de Israel chega aos 6,9 milhões de pessoas

10 de maio de 2005 09h06

A população de Israel alcançou os 6,9 milhões de pessoas, segundo dados divulgados hoje, terça-feira, pelo Escritório Central de Estatísticas pouco antes do início das celebrações do Dia da Independência, pelo 57º aniversário da criação do Estado.

Os dados revelam que atualmente residem em Israel 5.260.000 judeus, o que representa 76% da população. Os árabes -a minoria mais importante do país- são 1.350.000, ou seja, aproximadamente 20% da população.

Outras 290.000 pessoas são qualificadas de "outros", segundo os dados do Escritório Central de Estatísticas, que considera inseridos nessa categoria imigrantes que o ministério do Interior não reconhece como judeus.

A população israelense atual é 8,5 vezes superior à que residia no Estado Judeu quando este foi estabelecido em maio de 1948, então aproximadamente 800.000 pessoas.

No momento da criação do Estado de Israel, apenas 35 % da população judia tinha nascido no país, enquanto que o resto procedia do estrangeiro.

Hoje, 35% da população total do país nasceu fora de Israel, entre eles 950.000 pessoas procedentes das ex-repúblicas soviéticas.

Outros 157.000 israelenses nasceram em Marrocos, 110.000 na Romênia, 77.000 na América do Norte (em seu maior parte nos EUA), 70.000 procedem do Iraque e Etiópia, respectivamente, e 64.000 são originários da Polônia.

EFE
EFE - Agência EFE - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita da Agência EFE S/A.