inclusão de arquivo javascript

 
 

Chefe da campanha de George Bush se declara homossexual

25 de agosto de 2010 23h55 atualizado em 26 de agosto de 2010 às 01h51

O chefe da campanha em 2004 para a reeleição do então presidente americano, George W. Bush, confessou ser homossexual em uma entrevista publicada nessa quarta-feira.

"Levei 43 anos para me sentir à vontade com esta parte da minha personalidade", disse Ken Mehlman à edição eletrônica da revista The Atlantic.

"Cada um traça seu caminho, e no meu caso anunciei isto a minha família, a meus amigos e a meus antigos colegas, e todos foram maravilhosos comigo", disse.

Mehlman anunciou ainda que após anos no serviço público, planeja se tornar um defensor dos direitos dos homossexuais. George W. Bush governou os Estados Unidos entre 2001 e 2009.

AFP
AFP - Todos os direitos de reprodução e representação reservados. Clique aqui para limitações e restrições ao uso.