inclusão de arquivo javascript

 
 

Avião movido a energia solar faz primeiro voo noturno

30 de junho de 2010 21h31 atualizado em 01 de julho de 2010 às 01h52

O avião suíço Solar Impulse se prepara para fazer um voo noturno apenas com energia solar. Foto: AP

O avião suíço "Solar Impulse" se prepara para fazer um voo noturno apenas com energia solar
Foto: AP

O avião suíço Solar Impulse se prepara para fazer, nesta quinta-feira, um voo histórico, que mostrará a capacidade da aeronave, movida exclusivamente a energia solar, de voar à noite. Aproveitando condições meteorológicas muito favoráveis, o protótipo com matrícula HB-SIA decolará na quinta-feira da base militar de Payerne, a oeste da Suíça, confirmaram nessa quarta-feira os organizadores em comunicado.

O avião, que fez seu primeiro voo em 7 de abril e já realizou outros dez desde então, precisa de tempo bom para voar, pouco vento para não perder estabilidade, pouco peso e sol abundante para carregar as baterias através de seus painéis solares. Segundo o explorador suíço Bertrand Piccard, que idealizou o protótipo, esta nova etapa de 25 horas servirá para testar a capacidade do avião de voar de dia e de noite.

"O desafio do século XXI não será mais ir à Lua porque isto já foi feito, mas passar a uma sociedade que se desvincule, pouco a pouco, de sua dependência das energias fósseis", disse Piccard recentemente à imprensa. O avião solar é "muito mais que uma aventura aeronáutica, é uma demonstração técnica do que se pode levar à sociedade em termos de novas tecnologias", acrescentou o explorador.

A aeronave, cujas asas têm envergadura igual às de um Airbus A340, pesa apenas 1,6 mil kg. O psiquiatra e piloto Bertrand Piccard, conhecido por ter realizado a primeira viagem de balão ao redor do mundo em 1999, tem como objetivo realizar em 2012 uma volta completa ao redor do globo apenas com a energia do sol.

AFP
AFP - Todos os direitos de reprodução e representação reservados. Clique aqui para limitações e restrições ao uso.