inclusão de arquivo javascript

 
 

Morre o ex-presidente americano Ronald Reagan

05 de junho de 2004 17h55

O ex-presidente dos Estados Unidos Ronald Reagan morreu hoje, aos 93 anos, em sua residência em Los Angeles. Reagan sofria há pelo menos dez anos do mal de Alzheimer. Ex-ator de cinema e republicano, Reagan comandou o país de 1981 a 1989. Pouco antes, a Casa Branca havia anunciado que sua saúde piorara nos últimos dias.

» Saiba mais sobre a vida do ex-presidente
» Veja fotos de Ronald Reagan

Horas antes, Nancy Reagan, mulher do ex-presidente desde 1952, disse à rede de rádio CBS: "Isto é o final, o momento final se aproxima". O mesmo teria declarado, em Paris, onde se encontra, o atual presidente George W. Bush, de acordo com uma fonte oficial americana.

Reagan dedicou boa parte de seus mandatos a vencer a fase final da "Guerra Fria" contra a União Soviética. Ele foi uma das figuras mais carismáticas dos Estados Unidos nas últimas décadas.

Em 1994, apenas cinco anos após deixar a Casa Branca, Reagan anunciou ao país, em uma emotiva carta, que sofria do mal de Alzheimer, e que começava "o caminho que me levará ao ocaso da minha vida". A partir de então, levou uma vida cada vez mais reservada, até desaparecer por completo da cena pública.

Em 2001, o ex-presidente fraturou o quadril por causa de uma queda, e teve de ser submetido a uma cirurgia. Um ano depois,Nancy disse em uma entrevista à televisão que o ex-presidente já não a reconhecia.

Em maio deste ano, Nancy fez um emocionado pedido ao governo americano. Pediu que incentivassem as pesquisas com células-tronco no tratamento da doença do marido, entre outras doenças, também graves e ainda sem cura.

"A longa viagem de Ronnie o levou finalmente a um lugar onde não posso alcançá-lo", resumiu Nancy Reagan. Com base em justificativas éticas e morais, o governo de George W. Bush restringiu a pesquisa com células-tronco aos recursos de fundos públicos.

EFE
EFE - Agência EFE - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita da Agência EFE S/A.