1 evento ao vivo

Juiz anuncia acordo entre Strauss-Kahn e camareira em caso de abuso sexual

O juiz Douglas McKeon anunciou nesta segunda-feira em Nova York um acordo entre Dominique Strauss-Kahn e Nafissatou Diallo, que põe fim a um processo civil da camareira de hotel contra o ex-diretor do FMI por abuso sexual.

10 dez 2012
18h21

NOVA YORK, 10 dez 2012 (AFP) - O juiz Douglas McKeon anunciou nesta segunda-feira em Nova York um acordo entre Dominique Strauss-Kahn e Nafissatou Diallo, que põe fim a um processo civil da camareira de hotel contra o ex-diretor do FMI por abuso sexual."Há cerca de dez minutos chegamos a um acordo", anunciou no início da audiência o juiz McKeon no tribunal do Bronx, afirmando que os termos do acordo são "confidenciais".Nafissatou Diallo, a camareira do hotel Sofitel que acusou Strauss-Kahn de agressão sexual, estava presente, mas não falou durante a audiência.O juiz não havia solicitado o comparecimento de DSK.A audiência durou apenas dez minutos. Só a metade da sala estava ocupada. Cerca de 70 jornalistas, em sua maioria franceses, estavam presentes."O comparecimento ficou muito longe do das primeiras audiências, quando entre 500 e 600 pessoas estiveram presentes na sala e em suas imediações", declarou Walter Glowacz, da segurança do tribunal.bd/jca/mvv/dm

AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 
publicidade