inclusão de arquivo javascript

 
 

Suíça investiga caso das vacas que "cometeram suicídio"

29 de agosto de 2009 09h04 atualizado às 10h40

Em três dias, 28 animais cometeram suicídio. Foto: Divulgação

Em três dias, 28 animais "cometeram suicídio"
Foto: Divulgação

Os moradores da pequena vila de Lauterbrunnen, nos alpes suíços, tentam resolver o mistério das vacas que "cometem suicídio", se jogando de cima de montanhas rochosas. Em um intervalo de três dias, 28 animais morreram misteriosamente após se atirarem de uma altura de centenas de metros, informou o Mail Online.

Em cada caso, os serviços de resgate tiveram de usar um helicóptero para remover o corpo dos animais, devido ao risco de contaminação da água subterrânea. "Não há grande quantidade de carnívoros nos Alpes, então os corpos precisam ser removidos", disse um porta-voz da polícia local.

De acordo com relatos dos habitantes, fortes tempestades podem ter assustado os animais. "Estamos investigando os casos, pois uma vaca criada nas montanhas geralmente consegue perceber este tipo de perigo", afirmou um policial.

Outra hipótese é de que as vacas caiam por seguir umas às outras em busca de mais pasto. A maioria dos cientistas acredita que os animais são incapazes de cometer suicídio.

Redação Terra