inclusão de arquivo javascript

 
 

Israel mata 40 em escola; vítimas chegam a 635

06 de janeiro de 2009 12h51 atualizado às 13h57

Um tanque israelense matou 40 palestinos numa escola dirigida pela Organização das Nações Unidas na Faixa de Gaza na terça-feira, disseram fontes médicas de dois hospitais. Ao todo, o número de vítimas chega a pelo menos 635, além de mais de 2,9 mil feridos, de acordo com os serviços de emergência do território palestino.

» Fotos: Israel ataca Faixa de Gaza
» Fogo amigo mata 3 israelenses
» Gaza sofre sem comida e energia
» Lutas terrestres chegam aos subúrbios
» Entenda · Mapa · Cronologia · Opine

Dois disparos de tanque ocorreram do lado de fora da escola, lançando estilhaços em pessoas que estavam dentro e fora do prédio. Centenas de palestinos estavam no local para fugir dos combates entre soldados israelenses e militantes do Hamas.

Dezenas de pessoas também ficaram feridas no ataque, informaram autoridades. Segundo fontes médicas, os mortos eram moradores locais ou pessoas que estavam ali em busca de abrigo.

Com agências internacionais

Redação Terra