inclusão de arquivo javascript

 
 

Bremer está namorando uma iraquiana, diz jornal

29 de junho de 2004 16h15

Das múltiplas experiências que o administrador civil Paul Bremer levou de sua estada no Iraque está uma namorada de 35 anos, afirma hoje o jornal Al-Hayat.

Segundo pessoas próximas a Bremer citadas pelo jornal, o administrador civil, de 63 anos, teve um caso com a mulher enquanto esteve no país árabe e a levou aos Estados Unidos, mas por discrição preferiu enviá-la em uma viagem separada.

Ainda não se tem informações sobre a mulher, salvo que trabalhou no Departamento de Protocolo durante o regime de Saddam e que foi seu perfeito domínio do inglês que lhe permitiu conseguir um trabalho na Autoridade Provisória e ter assim acesso ao homem que administrou o Iraque durante um ano.

O jornal diz que Bremer fez com que ela e toda sua família se transferissem ao "búnquer" conhecido como Zona Verde, onde os altos comandantes da coalizão e das instituições iraquianas se alojam.

As fontes afirmam inclusive que este amor pode acabar em casamento. Graças a sua namorada, "o Iraque permanecerá para sempre na vida de Bremer", diz o jornal.

EFE
EFE - Agência EFE - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita da Agência EFE S/A.