inclusão de arquivo javascript

 
 

Tailândia: polícia identifica pedófilo procurado da Interpol

16 de outubro de 2007 03h03 atualizado às 07h24

A polícia tailandesa afirmou que um canadense de 32 anos é o suposto pedófilo reincidente procurado pela Interpol, que divulgou a fotografia do suspeito na Internet para conseguir sua detenção.

» Interpol reverte distorção de foto
» Polícia tailandesa busca pedófilo

Segundo as autoridades da Tailândia, trata-se de Christopher Paul Neil, que por enquanto não foi detido, embora a polícia tenha assinalado à imprensa local que trabalha com a Interpol para reunir as provas necessárias para emitir uma ordem de detenção.

Horas antes, as autoridades divulgaram uma fotografia do suposto pedófilo no departamento de alfândegas do aeroporto de Subarnabumi, em Bangcoc, aonde ele chegou no dia 11 de outubro num vôo que saiu da Coréia do Sul.

A Interpol havia informado anteriormente que o suspeito era um cidadão britânico que ensinava inglês na Coréia do Sul. Em 7 de outubro, a Interpol anunciou ter colocado em seu site a imagem de um suspeito de abusos sexuais contra menores em vários países, e pediu a ajuda dos cidadãos para identificá-lo.

Nos dias posteriores responderam a essa chamada cerca de 350 pessoas, que forneceram dados que permitiram estreitar o cerco contra o homem.

O próprio pedófilo ou cúmplices colocaram na Internet imagens de conteúdo sexual com menores, embora elas tenham sido alteradas digitalmente para dissimular o rosto do adulto.

EFE
EFE - Agência EFE - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita da Agência EFE S/A.