inclusão de arquivo javascript

 
 

Mulher fica 26 anos sem sair de casa na Itália

10 de setembro de 2006 21h53

Uma mulher italiana foi removida de seu apartamento por oficiais de saúde depois de 26 anos sem sair de casa. Segundo jornais locais, os homens que a retiraram tiveram de usar máscaras contra mau cheiro que vinha do local.

A mulher, citada apenas como "Carmela", tem 50 anos e pesava em torno de 30 kg. Seu cabelo tinha quase dois metros de comprimento quando os oficiais levaram-na ao hospital, segundo os jornais La Repubblica, Il Giorno e La Stampa.

Bombeiros e agentes sanitários da cidade de Macerata, localizada a cerca de 200 km de Roma, encontraram as janelas do apartamento vedadas com fita adesiva. Uma forte gripe disseminada há 26 anos aterrorizou Carmela a ponto de ela tentar se proteger dos germes se trancando em casa, segundo os jornais.

O caso chamou a atenção das autoridades depois que seu irmão, que deixava comida na frente da porta dela, chamou a polícia para informar que uma doença iria impedi-lo de continuar dando comida à mulher.

"Adamo" não via sua irmã havia 10 anos, segundo o jornal La Republicca. O único contato que Carmela tinha com os vizinhos era gritar através da porta e dizer "feche a janela ao voltar pra casa".

Reuters
Reuters - Reuters Limited - todos os direitos reservados. Clique aqui para limitações e restrições ao uso.