0

Rússia se diz preocupada com homenagens a nazistas na Letônia

7 jul 2011
14h22
atualizado às 14h41

A Rússia manifestou nesta quinta-feira sua preocupação com a crescente tendência de glorificar os nazistas na Letônia, em alusão entre outros, à recente manifestação na capital letã na qual os participantes vestiam uniformes nazistas.

"Manifestamos nossa preocupação com (...) a repetida celebração na Letônia de diversas ações que em certo modo homenageiam os nazistas e seus partidários", afirmou em entrevista coletiva Aleksandr Lukashevich, porta-voz da Chancelaria russa. Em particular, disse, impactou a realização no dia 1º de julho de uma manifestação em Riga, a capital da Letônia, onde os participantes se reuniram vestidos de uniforme nazista e com cartazes com slogans xenófobos.

Apesar dos numerosos protestos da população letã, as autoridades desse país não condenaram a manifestação, acrescentou Lukashevich. A Rússia reiterou sua postura contra o enaltecimento do nazismo nas antigas repúblicas soviéticas, especialmente nas bálticas. Os defensores do nazismo, por sua parte, sustentam que foram as tropas soviéticas as que anexaram pela força os territórios bálticos à União Soviética.

EFE   
publicidade