0

População forma grupos de autodefesa em Londres

9 ago 2011
23h47
atualizado em 10/8/2011 às 01h13

Centenas de habitantes de Londres se organizaram na madrugada desta quarta-feira em grupos de autodefesa, após quatro dias de distúrbios na capital britânica. A noite era tranquila em Londres, onde a presença policial foi consideravelmente reforçada, mas a tensão persistia.

Em Southall, no oeste da capital britânica, centenas de Sikhs, alguns vestidos com suas roupas tradicionais, se reuniram em seu templo após boatos de que poderiam ser alvo dos vândalos. Os Sikhs organizavam patrulhas de moto e vigiavam a estação local para prevenir a possível chegada de agressores.

Em Enfield, distrito do norte de Londres muito afetado pelos distúrbios das noites anteriores, cerca de 200 moradores percorriam as ruas em patrulha. Um vídeo amador divulgado nesta quarta-feira mostra um grupo de 100 pessoas gritando "Inglaterra, Inglaterra, Inglaterra" em uma rua de Enfield.

No distrito de Eltham, sudeste de Londres, ao menos 100 pessoas saíram às ruas para defender sua zona. "Este é um bairro de operários brancos e estamos aqui para proteger nossa comunidade", disse um homem ao jornal The Guardian.

"Estamos aqui para ajudar a polícia. Minha mãe está aterrorizada pelo que viu na televisão nos três últimos dias e decidimos que isto não ocorrerá aqui".

Nos bairros de Hackney e Kentish Town, ao norte de Londres, vários comerciantes, incluindo muitos turcos, protegiam suas lojas, alguns com armas improvisadas.

Onda de violência no Reino Unido
No início da noite de sábado, 6 de agosto, manifestantes iniciaram protestos em Nottingham, no norte de Londres, motivados pelo assassinato de um homem de 29 anos e pai de família, 2 dias antes. Os protestos logo se desenvolveram em uma onda de violência que se arrastou noite adentro, quando grupos depredaram lojas e incendiaram carros, dando início ao pior episódio de violência urbana da história recente londrina.

Os tumultos diminuíram na manhã de domingo, mas ganharam nova força nos dias seguintes, irradiando para diversos bairros londrinos e até mesmo para as cidades de Liverpool e Birmingham. A intensidade da violência levou centenas de policiais às ruas para conter os levantes. Mais de 600 pessoas já foram presas e dezenas de


Polícia prende vândalo em Enfield, no norte de Londres, no quarto dia de violência nas ruas da capital
Polícia prende vândalo em Enfield, no norte de Londres, no quarto dia de violência nas ruas da capital
Foto: EFE
AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 

compartilhe

publicidade
publicidade