2 eventos ao vivo

Empresa aérea confirma que 2 bebês estão entre vítimas

Um grupo de crianças da Alemanha também pode estar entre vítimas do voo que caiu nesta terça-feira

24 mar 2015
11h21
atualizado às 12h56
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator
<p>Familiar de passageiro do voo da Germanwings que caiu no sul da França chega ao aeroporto El Prat, em Barcelona</p>
Familiar de passageiro do voo da Germanwings que caiu no sul da França chega ao aeroporto El Prat, em Barcelona
Foto: Albert Gea / Reuters

A queda do avião da Germawings nesta terça-feira fez ao menos 150 vítimas fatais, segundo acreditam as autoridades. Ainda não foram confirmadas as identidades dos passageiros, mas as agências internacionais apontam que ao menos 67 vítimas eram da Alemanha e 45 seriam espanholas. A companhia aérea afirmou que também havia dois bebês no voo 4U9525. As informações são do The Mirror.

O presidente do governo espanhol, Mariano Rajoy, afirmou em uma conferência de imprensa que estava cancelando sua agenda para viajar a Madrid para chefiar um gabinete de crise. Ele descreveu o acidente como “dramática e triste”, mas se recusou a falar sobre as vítimas.

Outras especulações apontam que um grupo de ao menos 16 crianças da Alemanha estaria no voo 9525, por uma viagem de férias, mas a informação não foi confirmada ainda.

O acidente
O avião Airbus A320 da companhia aérea Germanwings caiu nesta terça-feira (24) na região dos Alpes franceses, perto da cidade de Barcelonnette, a cerca de 100 quilômetros ao norte de Nice. A aeronave carregava 144 passageiros e seis tripulantes.

<p>O avião Airbus A320 da companhia aérea Germanwings caiu nesta terça-feira (24) na região dos Alpes franceses, perto da cidade de Barcelonnette, a cerca de 100 quilômetros ao norte de Nice</p>
O avião Airbus A320 da companhia aérea Germanwings caiu nesta terça-feira (24) na região dos Alpes franceses, perto da cidade de Barcelonnette, a cerca de 100 quilômetros ao norte de Nice
Foto: The Independent / Reprodução

O voo 4U9525 saiu de Barcelona, Espanha, em direção à cidade alemã de Düsseldorf, e desapareceu após 46 minutos da decolagem, por volta das 11h locais, após emitir mensagem de socorro.

Equipes de resgate foram encaminhadas ao local, de difícil acesso.

O que a aviação aprende com os acidentes aéreos O que a aviação aprende com os acidentes aéreos

 

Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade