0

Catherine e William apresentam bebê real

23 jul 2013
18h10
atualizado às 18h12

Kate e William apresentaram seu filho ao público e à imprensa diante do hospital em que a duquesa de Cambridge deu à luz o terceiro herdeiro direto do trono.

O casal e o futuro monarca deixaram a maternidade do Hospital St. Mary e posaram para a imprensa antes de partir para sua residência londrina, o Palácio de Kensington.

Sorridentes, Kate, de vestido azul com bolas brancas, e o Príncipe William, de camisa azul claro, exibiram o seu filho para centenas de jornalistas do mundo inteiro, que estavam acampados há dias diante da ala Lindo do centro hospitalar. Os dois novos pais, que receberam a visita dos quatro avós maternos e paternos à tarde, reeditaram o gesto de Charles e Diana, que haviam apresentado seu primeiro filho, o príncipe William, exatamente no mesmo local, há trinta anos.

"Tem um bom par de pulmões, isso é certo", disse William aos jornalistas, enquanto Catherine acrescentou que ambos estão "muito emocionados" após o nascimento de seu primeiro filho, terceiro na linha de sucessão ao trono britânico.

"É um momento especial (...) Creio que qualquer um que tem um filho pela primeira vez saberá o que se sente", explicou Catherine, enquanto o bebê mexia as mãos, que emergiam da manta na qual estava envolto.

"É um belo bebê. Ele é muito pesado e já tem mais cabelo do que eu. Ainda estamos pensando no nome", declarou William, bem-humorado. "Ainda bem que ele se parece com ela", completou.

George e James, nomes tradicionais de monarcas anteriores, são os favoritos nas agitadas casas de apostas.

Após responderem a várias perguntas dos jornalistas, os duques de Cambridge entraram no hospital e, minutos depois, voltaram a sair rumo ao Palácio de Kensington, sua residência oficial.

O príncipe William colocou o menino em um assento especial para bebês na parte de trás do carro, um Range Rover negro.

Dos avós, os pais de Kate, Carole e Michael Middleton, foram os primeiros a chegar. Depois vieram o príncipe Charles e Camilla. E foi Charles que deu uma pista do que estaria por vir ao deixar a maternidade, pedindo que a imprensa aguardasse "um minuto" para ver a criança. Foi preciso esperar ainda mais de uma hora para que os jornalistas pudessem contemplar a cena que todos queriam testemunhar.

Muitos consideram que o casal formado por William e Catherine revitalizou a imagem da realeza após décadas de escândalos e depois da morte da princesa Diana em um acidente de automóvel em 1997.

William é piloto da Real Força Aérea e terá duas semanas de licença paternidade para ficar junto de sua esposa.

Durante a tarde, as tradicionais salvas de canhões marcaram as celebrações no Green Park e na Torre de Londres, enquanto a Abadia de Westminster fez soar seus sinos durante três horas.

O bebê, chamado Sua Alteza Real, Príncipe (nome) de Cambridge, é o herdeiro direto na linha de sucessão ao trono depois de Charles e de seu filho mais velho, William.

É a primeira vez desde 1894 que três herdeiros diretos do trono estão vivos. A última vez foi durante o reinado da rainha Victoria.

O bebê é o terceiro bisneto da rainha Elizabeth II, de 87 anos, que disse estar "encantada".

"É um momento importante na vida de nossa nação", disse o primeiro-ministro britânico, David Cameron.

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, liderou as mensagens internacionais de felicitações, que também chegaram de Austrália, Nova Zelândia, Canadá, França, Israel, Japão e Cingapura.

Até o Irã se somou ao coro de saudações, deixando de lado suas divergências com a Grã-Bretanha relacionadas ao seu polêmico programa nuclear iraniano, para felicitar a rainha afirmando que este nascimento é "uma fonte de felicidade".

AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 
publicidade