2 eventos ao vivo

Polícia confirma uma morte em tiroteio em escola primária nos EUA

14 dez 2012
15h07
atualizado às 15h23

Um tiroteio ocorrido nesta sexta-feira na escola primária Sandy Hook, em Newton, no estado de Connecticut (EUA), deixou ao menos uma pessoa morta, informou a polícia local.

Segundo a imprensa americana, o morto seria o próprio atirador ou, pelo menos, "um dos atiradores", já que algumas das informações de jornais como o "Hartford Courant" ou o "Newton Bee" relatam que duas pessoas armadas teriam entrado no escritório do diretor da escola.

A polícia também teria apreendido duas armas de fogo, segundo a rede de televisão "CNN", que informa que, por enquanto, não se sabe se o tiroteio foi provocado por "uma criança ou um adulto".

A polícia recebeu o aviso do tiroteio pouco após as aulas começarem, por volta das 9h40 locais, por isso enviou várias equipes que permanecem em frente à escola.

Vários alunos foram levados para fora do centro educacional por seus professores, entre gritos e choros, segundo a imprensa.

Por sua vez, a prefeitura de Newton decretou o fechamento de todos os colégios da região "até que se saiba com clareza o que está ocorrendo".

EFE   
publicidade