0

Mulher processa Disney após ser molestada pelo "Pato Donald"

12 ago 2010
15h04
atualizado às 17h11
  • separator

Uma americana de 27 anos está processando o Walt Disney pela alegação de que foi molestada sexualmente por um funcionário vestido com a personagem Pato Donald em um parque temático no Estado da Flórida há 2 anos, informa nesta quinta-feira o site britânico Mail Online. Ela pede US$ 50 mil em indenização.

Pato Donald é uma das personagens mais tradicionais da Walt Disney
Pato Donald é uma das personagens mais tradicionais da Walt Disney
Foto: Getty Images

April Magolon, que tem dois filhos, alega que o funcionário caracterizado como o Pato Donald tocou em um dos seus seios e continuou lhe molestando quando ela foi pegar um autógrafo dele acompanhada de suas crianças. O incidente ocorreu em 2008 no parque temático Epcot Center.

Ela alega que ainda está traumatizada, mesmo dois anos após o suposto incidente, e que teria sofrido "graves lesos físicas" e um "choque em seu sistema nervoso inteiro".

Veja também:

Obama revela que quebrou nariz de colega após racismo
Fonte: Redação Terra
publicidade