5 eventos ao vivo

Lembre os tiroteios mais fatais dos EUA nos últimos 20 anos

14 dez 2012
16h46
atualizado às 16h55
  • separator
  • 0
  • comentários

Ataques com armas de fogo em escolas e locais públicos são tragicamente frequentes nos Estados Unidos. A seguir, os tiroteios mais fatais ocorridos nos últimos 20 anos nos Estados Unidos.

- 16 de outubro de 1991: um homem mata 22 pessoas em um restaurante de Killeen (Texas) e deixa outros 20 feridos antes de se suicidar.

- 20 de abril de 1999: em Littleton (Colorado), dois estudantes do ensino médio abrem fogo no colégio Columbine. Doze estudantes e um professor são mortos. Os dois jovens assassinos se suicidam.

- 29 de julho de 1999: depois de matar a esposa e os dois filhos, um especulador da bolsa de 44 anos abre fogo em duas firmas de corretagem em Atlanta (Geórgia), matando nove pessoas, e depois se suicida.

- 21 de março de 2005: em Red Lake (Minnesota), um adolescente de 16 anos mata em sua escola nove pessoas, entre elas cinco estudantes de ensino médio, e depois se suicida.

- 16 de abril de 2007: um aluno de 23 anos de origem coreana mata 32 pessoas antes de se suicidar na Universidade de Virginia Tech, em Blacksburg (Virgínia). O massacre é o pior da história dos Estados Unidos em tempos de paz.

- 24 de dezembro de 2008: um homem fantasiado de Papai Noel abre fogo contra os convidados de uma festa, matando nove pessoas. Depois também se mata.

- 10 de março de 2009: um homem desequilibrado mata dez pessoas, entre elas sua mãe, em três cidades do Alabama (sul), antes de voltar a arma contra si mesmo.

- 3 de abril de 2009: um vietnamita abre fogo em um centro de imigrantes em Binghamton (Estado de Nova York), matando 13 pessoas.

- 5 de novembro de 2009: um psiquiatra militar de origem palestina é o autor do maior tiroteio já registrado em uma base militar americana, matando 13 pessoas e ferindo 42.

- 20 janeiro de 2010: um homem mata oito pessoas durante um tiroteio na Virgínia (leste), e se rende após uma caçada humana na qual participam 150 policiais.

- 3 agosto de 2010: um homem que tinha problemas com seus empregadores mata oito colegas em uma empresa de distribuição de cerveja em Connecticut (nordeste), antes de suicidar-se.

- 12 de outubro de 2011: no balneário de Seal Beach (Califórnia), um homem, que tinha problemas com sua ex-esposa pela custódia do filho, abre fogo no salão de cabeleireiros onde ela trabalhava, deixando oito mortos.

- 2 de abril de 2012: um coreano de 43 anos mata sete pessoas na Universidade religiosa de Oikos (Califórnia), antes de se entregar à polícia. O atacante assassinou metodicamente suas vítimas depois de alinhá-las contra um muro.

- 20 de julho de 2012: 12 pessoas foram mortas e 50 ficaram feridas em um tiroteio num cinema que exibia o terceiro episódio da série Batman, em Aurora, Denver (Colorado).

AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade