PUBLICIDADE

EUA corta financiamento da Unesco após adesão da Palestina

31 out 2011 15h25
| atualizado às 15h45
Publicidade

Os Estados Unidos declararam ter cortado o financiamento da Unesco, a agência cultural da Organização das Nações Unidas (ONU). O anúncio chega poucas horas depois de o órgão ter votado e aprovado a adesão da Autoridade Nacional Palestina (ANP) como membro de pleno direito, nesta segunda-feira, em Paris.

O líder palestino, Mahmoud Abbas, entrega o documento ao secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, em Nova York
O líder palestino, Mahmoud Abbas, entrega o documento ao secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, em Nova York
Foto: AP

Victoria Nuland, porta-voz do Departamento de Estado dos EUA, disse a repórteres não haver outra alternativa que não interromper o envio de verba devido à lei americana. Ela acrescentou que Washington já aplicaria a decisão em novembro, mês para o qual uma transferência de US$ 60 milhões estava prevista.

Já antes da reação americana a diplomacia de Israel havia se manifestado contra a decisão, afirmando que o aceite da Palestina forçava uma mudança nas relações com a Unesco. Em nota, o Ministério do Exterior israelense defendeu que o reconhecimento da ANP em nada ajuda o processo de paz no Oriente Médio, mas, antes, dificulta as negociações.

Com informações de AP e Reuters.

Fonte: Terra
Publicidade