EUA: corpo em decomposição é encontrado em caixa d'água de hotel

atualizado às 12h59
  • comentários

O corpo em decomposição de uma jovem foi encontrado dentro de uma caixa d'água de um hotel em Los Angeles, no Estado americano da Califórnia, informa a rede de notícias CNN . Segundo a polícia, o corpo estaria lá há mais de duas semanas e, desde então, os hóspedes do hotel estariam tomando banho e escovando os dentes com água contaminada.

 Foto: Reuters
Bombeiros trabalham para remover o corpo encontrado dentro de uma das caixas d'água do hotel na terça-feira
Foto: Reuters

O corpo da canadense Elisa Lam, 21 anos, foi encontrado na terça-feira por um funcionário do Cecil Hotel que estranhou o fato de a pressão da água do prédio estar baixa naquele dia.

"A Água tinha um gosto estranho", disse a turista britânica Sabrina Baugh à CNN . Ela e o marido usaram a água por oito dias, mas não acharam que algo de anormal estivesse ocorrendo. "Nós pensávamos que este era o jeito que a água era aqui".

 Foto: LAPD / Divulgação
Imagem distribuída pela polícia de Los Angeles exibe Elisa Lam
Foto: LAPD / Divulgação

Contudo, segundo ela, o chuveiro era "horrível" e a água da torneira do banheiro vinha preta nos primeiros segundos antes de voltar ao normal. O casal deixou o hotel na quarta-feira.

De acordo com o Departamento de Saúde Pública de Los Angeles, é provável que a contaminação da água tenha sido "mínima" devido ao tamanho da caixa d'água. "Nossa maior preocupação são os coliformes fecais por causa do corpo na água", disse Terrance Powell, diretor do departamento.

Lam era dada como desaparecida desde o início de fevereiro. Ela tinha sido vista pela última vez no dia 31 de janeiro dentro do hotel, segundo a polícia. As autoridades investigam agora se ela foi assassinada ou se sua morte foi acidental.

Apesar do incidente, o hotel permaneceu aberto e, inclusive, 11 hóspedes optaram por permanecer hospedados mesmo após receberem ofertas da gerência para serem realocados em outro hotel.

Vídeo mostra desespero de jovem minutos antes de morrer em hotel

Vídeo
Na semana passada, a polícia de Los Angeles havia divulgado um estranho vídeo gravado em um elevador do hotel que até agora é o último registro da turista canadense com vida. As imagens mostram a jovem entrando em um elevador e apertando vários botões. Em seguida, de forma agitada, ela entra e sai do elevador diversas vezes.

As autoridades disseram à época que Lam era uma estudante que viajava sozinha pela Califórnia. A polícia disse que, durante a viagem, ela manteve contato regular com os pais até ser dada como desaparecida, no dia 31 de janeiro, e que o sumiço era suspeito.

Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade